Diário da Região

29/11/2017 - 23h21min

ENTÃO É NATAL

Edinho anuncia investimento de R$ 240 mil para decorar cidade

Deste total, o município vai investir apenas R$ 20 mil, o restante virá de parcerias privadas

Johnny Torres 29/11/2017 Árvore de Natal iluminada no Calçadão faz parte do projeto de decoração de Rio Preto deste ano
Árvore de Natal iluminada no Calçadão faz parte do projeto de decoração de Rio Preto deste ano

O prefeito Edinho Araújo (PMDB) anunciou nesta quarta-feira, 29, o projeto de decoração natalina de Rio Preto. A proposta prevê investimento de R$ 240 mil. Deste total, o município vai investir apenas R$ 20 mil, outros R$ 50 mil virão da Associação Comercial e Empresarial de Rio Preto (Acirp), mais R$ 20 mil da Unimed e, por fim, R$ 150 mil do supermercado Muffato.

Edinho disse que o destaque deste ano é a iluminação, não só na região central, mas também na Represa, Swift e nos distritos de Schmitt e Talhado. Por isso, ele "aposentou" os bonecos de Papai Noel comprados pelo ex-prefeito Valdomiro Lopes (PSB). "Rio Preto vai estar iluminada", disse.

Veto a emendas

Durante a coletiva, o prefeito também adiantou que pretende vetar as quatro emendas de vereadores incorporadas ao Orçamento de R$ 1,8 bilhão aprovado na Câmara. As emendas propõem aquisição de equipamentos de raio-X, além de recursos para a Cultura, Meio Ambiente e causa animal. "Vou analisar com o secretário de Governo (Jair Moretti). Não há como mexer. O Orçamento está enxuto e qualquer deslocamento vai afetá-lo", afirmou Edinho ao concluir que a versão do Executivo é a "mais adequada".

O prefeito também saiu em defesa do secretário de Trânsito, Marcos Apóstolo, atacado pelos vereadores Anderson Branco (PR) e Celso Peixão (PSB) na última sessão da Câmara. Branco afirmou que a pasta é uma "prefeiturinha" do PSD e que não está sendo atendido por Apóstolo.

"Não há prefeiturinha. O que há é representação do governo dos partidos que nos apoiaram. Respeito as críticas e se me trouxer pontualmente o ocorrido, que não seja republicano, eu tomarei as providências", didse Edinho.

O prefeito negou ainda que fará mudanças no primeiro escalão do governo em janeiro de 2018. "Não cogito nenhuma reforma. O momento é de dificuldade e crise."

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors