Diário da Região

30/11/2017 - 22h19min

Saúde

Vacina é só para quem já teve dengue

A suspeita do laboratório apresentada nesta semana ainda não é conclusiva

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou nesta quarta-feira, 29, que a vacina contra a dengue seja tomada apenas por quem já teve a doença.

A medida ocorreu após o laboratório fabricante, a Sanofi, ter apresentado à agência dados preliminares que apontam risco de formas mais graves da doença em pessoas que tomaram a vacina e nunca tiveram dengue, transmitida pelo Aedes aegypti. A suspeita do laboratório apresentada nesta semana ainda não é conclusiva.

A dose é vendida pela rede particular - a Unimed vende a vacina em Rio Preto com valores de R$ 260 e R$ 290.

A Anvisa informou que, antes do registro, os efeitos da imunização foram estudados em mais de 40 mil pessoas em todo o mundo, e que as pesquisas seguiram os padrões estabelecidos por guias internacionais da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Maurício Lacerda Nogueira, chefe do Laboratório de Virologia da Famerp, esclarece que a recomendação se aplica à vacina do laboratório Sanofi. "Os dados que a indústria utilizou para tomar essa decisão ainda não foram divulgados, até entrei em contato com o fabricante mas não foi esclarecido. É importante salientar que essa recomendação é referente à vacina da Sanofi e não afeta as vacinas do Instituto Butantan e da Takeda que estão em fase de testes." O médico coordena em Rio Preto os testes da vacina contra dengue produzida pelo Instituto Butantan.

Ele afirma ainda que a vacina "da Sanofi usa vírus da vacina da febre amarela quinérica com o vírus da dengue, enquanto que a vacina do Butantã é virus da dengue que sofreu uma mutação induzida. Pelo fato de serem diferentes, elas induzem respostas imunológicas diferentes. Assim como a vacina da Takeda também é diferente."

Em nota, a Unimed informou que não irá suspender a vacinação, apenas seguirá a recomendação da Anvisa de aplicar somente em pacientes que já tiveram diagnóstico de dengue pelo menos uma vez ou em pacientes com prescrição médica. "A Unimed implantou um questionário de avaliação da saúde. Após relatar tudo, ele ainda assina a declaração atestando a veracidade das informações".

O HB Saúde informou que no momento não te a vacina e não tem previsão de reposição.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Aguarde, carregando...

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mas.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Regiao

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos trás primeiros meses após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conte?do gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 mat?rias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Regiao
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos trás primeiros meses, após o período R$ 16,90

Já é assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.