Diário da Região

09/11/2017 - 13h58min

OLÍMPIA

Prefeitura vai cuidar de prédio que virou mocó

Em março, uma liminar da Justiça determinou a limpeza e dedetização do prédio

Divulgação/Prefeitura de Olímpia Prefeitura de Olímpia irá administrar prédio abandonado da Beneficência Portuguesa
Prefeitura de Olímpia irá administrar prédio abandonado da Beneficência Portuguesa

A Prefeitura da Estância Turística de Olímpia, por meio de decisão liminar deferida pela Justiça, adquiriu o poder de fiscalização e cuidado do imóvel da Beneficência Portuguesa da cidade.

O prédio do hospital, que foi desativado há 20 anos, foi usado até dezembro de 2016 como sede da Secretária de Saúde da cidade e desde então virou abrigo noturno para usuários de drogas, além de acumular pilhas de remédios vencidos e até parte de uma máquina de raio-X, com risco ambiental de espalhar material radioativo.

Em março, uma liminar da Justiça determinou a limpeza e dedetização do prédio. Com a nova decisão, compete ao município, a partir de agora, zelar e preservar o local de invasões e prejuízos materiais e históricos. Caberá também à Prefeitura informar e prestar contas das benfeitorias feitas no imóvel.

De acordo com a Prefeitura, o imóvel, agora, será monitorado 24h por dia. A secretaria de Assistência Social já realizou uma abordagem social no prédio, em que uma equipe técnica constatou o espaço aberto, com ventiladores e luzes em pleno funcionamento e com sinais de que usuários de drogas estão utilizando o local. Na parte externa, foram encontradas roupas, barraca de camping, churrasqueira, preservativos, seringas e cigarros espalhados.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Cristina Reale, a abordagem foi realizada para aplicar medidas protetivas aos moradores de rua. “Quando encontramos pessoas em locais indevidos realizamos a abordagem. Como o local estava apenas vazio já foi comunicado à secretaria municipal de Administração para providenciar a guarda e providências do local”, explica Cristina.

Usocapião

Em outra ação que envolve o imóvel, o Departamento Jurídico do município pede na justiça o usucapião do prédio que ainda consta em nome da Associação Beneficência Portuguesa de Olímpia.

Segundo prefeito Fernando Cunha, se o município conseguir ganhar a ação, o prédio será reativado para serviços de Saúde. “Foi um prédio muito bem construído. São reparos pequenos numa parte do prédio que precisa de uma manutenção um pouco maior, mas é pintura e acabamento”, finalizou.

O antigo hospital foi fechado na década de 1990 por problemas financeiros. O prédio foi cedido em comodato à prefeitura para ser reaberto. Com o fim do contrato do comodato, no final do ano passado, a ex-secretária de saúde de Olímpia, Silvia Forti, disse que a Prefeitura teve de deixar o prédio. “Era final de governo e a nova administração poderia ter se encarregado de limpar o prédio. As caixas de documentos e o que restou do aparelho de raio-X foram deixados lá, porque pertencem à Sociedade Beneficência. São eles que precisam fazer o descarte correto do material”, justificou ao Diário, na época, a ex-secretária.

Quanto aos medicamentos vencidos, o ex-prefeito Eugênio José Zuliani, o Geninho, disse, na ocasião, que são remédios que deveriam ter sido descartados e que deve ser apurada a responsabilidade dos funcionários que tinham essa função até dezembro do ano passado.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso