Diário da Região

29/11/2017 - 15h17min

Tentativa de homicídio

Homem é preso por esfaquear a mulher

Suspeito foi detido pela Polícia Militar com a camisa toda ensanguentada, mas ele nega autoria do crime.

Marco Antonio dos Santos 29/11/2017 Vanderlei Cardoso da Silva foi detido e levado à Central de Flagrantes
Vanderlei Cardoso da Silva foi detido e levado à Central de Flagrantes

O desempregado Vanderli Cardoso da Silva, de 44 anos, foi detido na manhã de quarta-feira, dia 29, em flagrante por tentar matar a mulher, Rubia Santos, de 27 anos, no Parque Industrial, em Rio Preto. Com ele foi apreendido a faca do crime. A vítima está internada em estado gravíssimo no Hospital de Base de Rio Preto, sem previsão de alta.

A Polícia Militar foi chamada por vizinhos que ouviram a briga do casal, mas quando a viatura chegou até a casa, a mulher já tinha sido esfaqueada e estava sendo atendida por uma equipe do Samu. Como os ferimentos eram grandes, a vítima foi levada diretamente para o pronto-socorro do Hospital de Base de Rio Preto.

Os policiais encontraram sinais de sangue no piso de entrada da casa. Todos móveis e utensílios da residência estavam revirados e fora do lugar.

Para os policiais militares, Vanderlei disse que vivia há três meses com a mulher e negou ser o autor das facadas, dizendo que apenas socorreu a vítima que chegou em casa ensanguentada. A faca usada no crime foi encontrada jogada no chão a 100 metros de distância.

O delegado de plantão, Paulo Rogerio Maciel Moreschi, determinou a prisão em flagrante do suspeito por tentativa de homicídio.

"Tomei esta decisão, de mandar prendê-lo, com base nos indícios apresentados pelos políciais militares. Tudo aponta para que ele seja o autor deste crime, que foi uma tentativa de feminicídio" afirma o delegado.

O delegado também estranhou também que Vanderlei se recusou a prestar depoimento, dizendo que só iria se manifestar em juízo sobre o caso e permaneceu em silêncio, durante os questionamentos feitos pelo escrivão.

"Ele poderia dar sua versão sobre os fatos, apontando quem teria cometido o crime, mas se reservou no direito de apenas se manifestar na Justiça, o que foi respeitado", diz o delegado.

Contra Vanderlei está também em vigor uma medida protetiva, solicitada pela ex-mulher dele. Pela determinação judicial, ele deveria ficar a 200 metros de distância da pessoa.

Segundo informações do Hospital de Base, Rubia permanecia internada até o início da noite de quarta-feira, dia 29, sem previsão de alta, mas não tinha risco de morte. A investigação do caso será repassada  nesta quarta-feira, dia 30, para Delegacia de Defesa da Mulher. 

Vanderlei foi enviada provisoriamente para CDP de Rio Preto.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Apóss o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Ap�s o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.