Diário da Região

04/10/2017 - 17h59min

REPETINDO A FÓRMULA

Contra nova denúncia, Temer faz mutirão para atender deputados

Repetindo a fórmula usada para derrubar a primeira denúncia (por corrupção passiva), o presidente Michel Temer dedicou a terça-feira, 3, para fazer um corpo a corpo com os parlamentares e abriu as portas de seu gabinete para mais de 40 deputados, em quase 12 horas de agenda.

Beto Barata/PR Temer, que cumpriu quase 12 horas de agenda para 
atender a todos
Temer, que cumpriu quase 12 horas de agenda para atender a todos

Repetindo a fórmula usada para derrubar a primeira denúncia (por corrupção passiva), o presidente Michel Temer dedicou a terça-feira, 3, para fazer um corpo a corpo com os parlamentares e abriu as portas de seu gabinete para mais de 40 deputados, em quase 12 horas de agenda.

Há pouco em mensagens pelo Twitter o presidente justificou a agenda extensa e voltou a criticar a denúncia apresentada pelo então Procurador-Geral, Rodrigo Janot. “Precisamos lidar com mais uma denúncia inepta e sem sentido, proposta por uma associação criminosa que quis parar o País. O Brasil não será pautado pela irresponsabilidade e falta de compromisso de alguém que se perdeu pelas próprias ambições”, escreveu.

Ao justificar o dia cheio de reuniões, o presidente disse que o “diálogo é fundamental para a harmonia entres os poderes”. Vou conversar com representantes de todos os partidos da base, de todas as regiões do Brasil. É uma rotina que sempre mantive”, disse.

Temer intensificou a agenda nesta terça-feira também porque nesta quarta, 4, e quinta-feira, 5, deve participar de eventos fora do Planalto. Além de uma cerimônia com ações voltadas para mircro e pequenas empresas pela manhã, na quarta à tarde o presidente deve ir a São Bernardo do Campo (SP) entregar ambulâncias. Na quinta-feira, estão programadas duas viagens para Alcântara (MA) e Belém (PA).

Além da maratona de parlamentares, Temer deve fiscalizar a defesa da denúncia por obstrução de Justiça e organização criminosa. A peça está sendo elaborada por Eduardo Carnelós, que substituiu o criminalista Antonio Claudio Mariz. A ideia do presidente é que a defesa seja entregue nesta quarta-feira.

Além da defesa de Temer, os ministros Moreira Franco (Secretaria-geral) e Eliseu Padilha (Casa Civil), que estão denunciados no mesmo processo, também precisam entregar as duas defesas. Só depois que os três apresentarem a documentação é que o prazo para que a CCJ vote o relatório começa a contar.

Agenda

A maratona de Temer começou às 10h com o deputado Rogério Marinho (PSDB/RN). Às 10h30, recebeu o deputado Édio Lopes (PR/PR) e foi até as 21h, a agenda, quado recebeu o deputado Benito Gama (PTB/BA) e, por fim, a maratona tem previsão de terminar as 21h20, com a deputada Dâmina Pereira (PSL/MG).

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.