Vida e Estilo

  • Sexta-feira, 24 de Fevereiro
  • Insista, persista e nunca desista.
Vida e Estilo

Matéria

Quarta-feira, 08.02.17 às 19:55 / Atualizado em 08.02.17 às 19:55

Saiba quais palavras você deve evitar ao montar um currículo

Gisele Bortoleto
Stock Images/Divulgação Homem calado - 09022017

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do
Diario da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 15,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Stock Images/Divulgação Homem calado - 09022017

Pegue uma pilha de currículos para ler e você vai perceber que o mundo está cheio de líderes que se dizem "especializados", "estratégicos", "apaixonados", "focados", "excelentes" ou "inovadores". Imagine uma empresa que recebe toda semana dezenas e até centenas de currículos cheios de estereótipos e exageros aparentemente pouco confiáveis. Não é difícil cair nessa armadilha. O LinkedIn publicou pelo quarto ano consecutivo a lista das "buzzwords" brasileiras, ou seja, palavras que de tão usadas em perfis já perderam sua força e se tornaram chavões, clichês. 

A ideia é que você fuja delas na hora de elaborar seu currículo. Apesar de soarem bem para leigos, especialistas em carreira como Fernanda Brunsizian, gerente sênior de comunicação do LinkedIn para América Latina, afirmam que não são. Para quem não sabe, o LinkedIn é uma rede social gratuita, usada por empresas à procura de candidatos e por profissionais, empregados ou não, em busca de novas vagas no mercado.
 
Campanha global

A iniciativa do LinkedIn faz parte de uma campanha global (#startsomething), que acontece sempre em janeiro, mês em que os usuários fazem o maior número de atualizações em seus perfis, e tem o objetivo de incentivar as pessoas a completarem seus dados e usarem uma linguagem natural ao descreverem suas funções e habilidades. A lista é um lembrete de que é sempre melhor fornecer exemplos de como você é responsável ou estratégico do que usar somente uma palavra no currículo.

Em vez de usar palavras sem peso, a dica é vincular suas habilidades a resultados que demonstrem sua competência. "Empresas e candidatos buscam hoje uma melhor combinação de cultura e valores. Para que isso aconteça, é necessário que as pessoas se descrevam de forma verdadeira e espontânea, evitando palavras e frases que já viraram lugar comum", afirma Fernanda Brunsizian. 

Um entrevistador perde muito tempo e consequentemente o interesse quando recebe um currículo e não encontra, de primeira, informações importantes. "Um bom currículo sempre tem essas informações claras e logo no início", explica Paulo Dias, diretor de recrutamento da Stato, consultoria especializada em recrutamento de executivos. "Muita gente acredita que não tem a capacitação necessária, quando, na verdade, o erro pode estar no currículo apresentado", alerta a coach de carreira Ana Lisboa.

Base sólida

Chavões são muito usados principalmente pelos tipos de líderes ou profissionais que estão ultrapassados e sentem dificuldade em se recolocar no mercado. "São pessoas que creem que se autovalorizar sem base sólida irá encantar os RHs e hunters. Ledo engano", diz o consultor empresarial Carlos Alex Fett. Que tal se você, no lugar de se descrever como "bem-sucedido em tal área", informar o porquê desse sucesso? 

Para o currículo de um líder de equipes: "Liderei equipes de vendas que conquistaram resultados consistentes, aumentando em X% as vendas em tal período". Ou, também, no lugar do chavão "estratégico", explanar: "As equipes lideradas suplantaram as dificuldades junto à concorrência, elaborando em conjunto comigo os meios eficazes de contornar objeções dos clientes, demonstrando benefícios na escolha de nosso produto/serviço", recomenda Fett. 

Enfim, em uma ou duas frases, destacar o porquê do seu diferencial. Seja como líder, seja como colaborador de uma equipe. "Deixe claro o objetivo profissional, o nível de experiência e a área em que deseja atuar. Não se esqueça de inserir uma breve descrição de suas experiências e de mencionar todos os cargos ocupados em cada passagem profissional. No entanto, não se prolongue demais para descrever as funções exercidas", explica Paulo Dias. 

O entrevistador avaliará sua capacidade de sintetizar sua experiência em poucas linhas. Ao mesmo tempo em que o currículo deve ser claro e objetivo. "Ao falar de suas habilidades, não tenha medo de fazer um pouco de marketing pessoal, apresentando casos de clientes anteriores e que obtiveram sucesso com sua ajuda, por exemplo", diz Madalena Feliciano, diretora de projetos da empresa Outliers Careers.

Seja você mesmo

O melhor meio de fazer seu currículo se destacar no meio de 12,3 milhões de candidatos que estão desempregados atualmente no Brasil, segundo o IBGE, é ser você mesmo. "Mas sem ser piegas ou desvalorizar suas competências reais. Ser simples no linguajar, mas sem ser obtuso. O avaliador de seu currículo terá dezenas, talvez centenas que usam os mesmos termos", afirma Carlos Alex Fett. 

Se você conseguir passar suas habilidades de forma criativa e assertiva, irá se destacar. E nada melhor do que se descrever como realmente é. Sem delongas, chavões ou mentiras. Para a entrevista de fato, seu depoimento por escrito deve ser coerente com sua descrição e apresentação pessoal.

Chavões mais usados em curriculos em 2016

  • Especializado
  • Líder
  • Estratégico
  • Focado
  • Responsável
  • Com experiência
  • Inovador
  • Apaixonado
  • Criativo
  • Excelente

 

Comentários

Recomendadas

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 15,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Facilite seu acesso agregando uma
conta de rede social ao seu perfil
Sexo
Confirme seu cadastro

Para acessar nossos conteúdos especiais é necessario que você ative seu cadastro.

Acesse seu e-mail e clique no link que lhe enviamos. Caso não tenha recebebido, digite abaixo seu e-mail.