Diário da Região

22/06/2017 - 16h53min

Alimentação

Antioxidantes a serviço da saúde

Alimentação

Stock Images/Divulgação NULL
NULL

Você certamente já deve ter ouvido em algum momento alguém falar sobre alimentos e nutrientes antioxidantes. Mas você sabe por que eles são considerados tão importantes e quais os benefícios para a saúde? 

Antioxidantes são substâncias capazes de atrasar ou inibir a oxidação de um substrato oxidável. A função deles é proteger as células sadias do organismo contra a ação oxidante dos radicais livres. 

A boa notícia é que eles são muito fáceis de serem encontrados: basta ter uma alimentação saudável, variada, colorida e que inclua pelo menos cinco porções de frutas, legumes e verduras por dia para se proteger dos radicais livres e evitar o envelhecimento precoce. 

O organismo precisa ser desintoxicado constantemente dos radicais livres. Isso é feito naturalmente pelo corpo, desde que ele tenha acesso suficiente a alimentos antioxidantes, como por exemplo as vitaminas C, E, betacaroteno e selênio.

Pesquisas ao redor do mundo comprovam a eficácia dos antioxidantes no retardo do envelhecimento precoce e no combate à formação de radicais livres, responsáveis pelo desenvolvimento de doenças como mal de Parkinson, Alzheimer, arteriosclerose - doença que pode favorecer AVCs e infartos - além de diferentes tipos de câncer. 

"À medida que eles neutralizam os efeitos desses radicais, os antioxidantes impedem seus efeitos deletérios", explica a nutricionista Carolina Pimentel, professora da Unip, coautora do livro Alimentos Funcionais: Introdução às Principais Substâncias Bioativas em Alimentos (Ed. Metha).

A nutricionista Flavia Salvitti explica que esses nutrientes são acessíveis e devem ser incluídos na alimentação. "O chá verde, por exemplo, é rico em catequina, substância antioxidante. No almoço, uma saladinha de brócolis e salsa já garante uma boa porção de flavonoides, antioxidante que também é encontrado na ameixa e no mirtilo", diz a nutricionista. 

Alimentos ricos em vitamina C, vitamina E e betacaroteno são também boas fontes de antioxidantes - nestas categorias, entram frutas como laranja, kiwi, morango e mamão.

Já cobre, fósforo, selênio, manganês, ferro e zinco são exemplos de minerais em que, se algum deles estiver em falta, nem todas as reações físico-químicas irão se concretizar. 

"Elas também poderão ficar extremamente lentas, desequilibrando o organismo e causando mau humor, cansaço, depressão e mudanças no peso corporal", explica o terapeuta Paulo Edson Reis Jacob Neto, professor de terapia ortomolecular, autor do livro ABC dos Alimentos - Primeiros Socorros pelos Alimentos (Ed. Ground).

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso