Diário da Região

07/11/2017 - 16h38min

Quito

Deputados do Equador pedem destituição de vice envolvido no caso Odebrecht

Quito

Um grupo de deputados pediu hoje a destituição do vice-presidente do Equador, Jorge Glas, detido por suposto envolvimento com o escândalo de corrupção da Odebrecht no país. Cerca de 54 deputados de diversas forças da oposição e um do partido da situação assinaram o pedido, que acusa Glas de suborno. O Conselho de Administração Legislativa deve aprovar ou rejeitar o requerimento. Guillermo Celi, deputado do partido opositor Creo, disse que o pedido corresponde às exigências do povo equatoriano que quer a censura e destituição do vice-presidente". Nos últimos meses vários políticos acusados de corrupção foram detidos no Equador. Além de Glas e seu tio, foram detidos dois ex-ministros, gerentes da petroleira estatal Petroecuador e outros altos funcionários do governo. Glas está detido desde 2 de outubro, por sua suposta participação na rede corrupção da Odebrecht, que reconheceu o pagamento de US$ 33,5 milhões em propinas a funcionários públicos equatorianos em troca da concessões de obras públicas. Fonte: Associated Press.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo e
ganhe + matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.