Diário da Região

01/08/2017 - 00h25min

São Paulo

Venezuela pagou US$ 30 milhões a Odebrecht por obras inacabadas, diz procuradora

São Paulo

A procuradora-geral da Venezuela, Luisa Ortega Díaz, disse hoje que o Ministério Público tem abertas 36.124 investigações por corrupção no país e as que mais preocupam são as que envolvem contratos com a construtora Odebrecht. Luisa disse que os contratos envolvem gastos de US$ 30 milhões em 11 obras inacabadas. Há cerca de duas semanas, a procuradora-geral afirmou que o Tribunal Supremo de Justiça do país trata de impedir que se realize a perseguição penal das pessoas envolvidas nas supostas operações irregulares da construtora brasileira Odebrecht no país. Ela o acusou o principal tribunal do país de proferir uma sentença para "impedir" que o Ministério Público possa exercer a perseguição penal dos envolvidos e que a ação contra ela e a Procuradoria Geral "atenta" contra a independência dos Ministérios Públicos da região. Em junho, o Supremo abriu um processo contra a procuradora-geral, que tem enfrentado os governistas. A legislação venezuelana permite que a Procuradoria Geral cite alguém como implicado em um suposto crime, mas o Tribunal Supremo determinou que isso só deve ocorrer na presença de um juiz. (Matheus Maderal, com informações da Associated Press - matheus.maderal@estadao.com)

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso