Diário da Região

22/10/2016 - 00h00min

Cartas do Leitor

América

Cartas do Leitor

O que aconteceu domingo (16/10), em prejuízo do sonho dos meninos do Sub 11 do América ainda não foi explicado pela Secretaria de Esportes da Prefeitura de Rio Preto.

Após empatar no jogo de ida com o Guarani de Campinas, os craques do ‘Ameriquinha’ foram "derrotados " em casa pela negligência das autoridades pois, como foi amplamente divulgado, a secretaria simplesmente não forneceu o desfibrilador, equipamento obrigatório para uso em casos de emergência.

O América Sub 11 precisava apenas de um empate, mas o juiz da partida cumpriu o regulamento da Federação Paulista e deu WO para o time mandante.

Enfim, meninos competentes derrotados fora de campo por adultos incompetentes.

Pedro Antônio Domingues, Rio Preto

 

Votos nulos

Em relação à carta publicada neste espaço por Manoel Del Arco (19/10) sobre votos nulos, acho que é preciso esclarecer antes de tudo que o voto nulo ou voto em branco é um direito do eleitor.

Porém, tentar incitar eleitores a usar esta ferramenta sob o argumento hipotético de que se os votos nulos somarem mais de 50% dos sufrágios, as eleições seriam anuladas e os candidatos e seus respectivos partidos não poderiam participar de novas eleições não condiz com a realidade da legislação eleitoral em vigor no Brasil.

Infelizmente, isso não existe no Brasil. Voto nulo é nulo e não serve pra nada. Nem pra protesto, pois protesto se faz em público nas ruas e não secretamente nas urnas.

Se numa eleição, hipoteticamente 95% dos eleitores decidirem votar nulo, os 5% restantes dos votos decidirão a eleição, pois o que vale são os votos (válidos) dados aos candidatos. E os votos nulos e votos em branco sequer são contabilizados para efeitos de validade e quociente eleitoral.

Nelson Gonçalves, Rio Preto

 

Padre Donizeti

Ninguém escapa da surpresa de presenciar num lindo dia de sol nuvens se aglomerarem, formarem lá no horizonte aquele escuro repleto de rajadas de trovões e relâmpagos anunciando a tempestade.

Assim, as coisas aconteceram na vida do querido vigário padre Aparecido Donizeti Bianchi, que aos 12 anos foi levado pelas mãos de Dom José de Aquino ao Seminário para estudar e se tornar homem de Deus.

A vida não perdoa nem os homens cuja fé vem da mais tenra idade, pessoa humana, cheio de carismas e cujas homilias são lembradas por todos nós que frequentamos por longos períodos suas missas na Igreja São Benedito (Vila Ercília) e depois na Sé Catedral.

Nosso padre sofreu a bombástica tempestade que o alcoolismo traz. Todos nós conhecemos sua história tal como ela é, história de exemplo a não ser seguido pelos adolescentes e jovens de hoje, embora no desenrolar dos fatos, houve falhas e descumprimento da Lei.

Sabemos bem que a única vítima foi “você, nosso amado e querido pastor”. Tantas vezes você nos falou que Deus não deixa que uma só de suas ovelhas se perca, agora percebemos que não deixa mesmo. Ele foi atrás de você em todas suas quedas, te pegou no colo e te chamou de filho.

Nós, seus amigos e fiéis, acompanhamos com os olhos marejados as reportagens do Diário em que sua foto, antes nas colunas sociais, agora aparece manchada pela tempestade imprevisível que passa pela sua vida há 10 anos. Muito triste vê-lo assim tão exposto...

Angela Perozin, Rio Preto

 

Prioridades

Quem leu o Diário de 19/10 deparou com as manchetes:

1ª "Polícia investiga destruição de cartaz", pág. 3/A.

2ª "Monstros anônimos e à solta", pág. 3/B.

Pasmem!

A primeira refere-se ao fato de a Polícia Federal estar investigando a destruição de um cartaz de um vereador, provavelmente feita pelo assessor de um outro.

Na verdade, nem um cartaz parece ser, e sim um adesivo de propaganda política. Ah!Isso, sim, merece investigação! O autor pode responder pelo crime de destruição de propaganda.

A segunda refere-se a crimes hediondos, casos que seguem impunes de estupros cometidos com requintes de crueldade. Aqui, qualquer adjetivo é dispensável, pois a afronta à mulher é inominável!

Parafraseando o saudoso prof. Edoardo Querin (lecionou no Ibilce): “É uma humilhação para as mulheres, mas também uma humilhação para as ‘autoridadesa"!

Maria Amelia Locatelli, Rio Preto

 

Aposentadorias

Como órgão do governo brasileiro, o INSS é incompetente e tem outras "qualidades" adicionais. Como alegar que dá prejuízo?

Se abrirmos uma conta de aplicação num banco, fazendo depósitos no valor de 20% de seus salários, sem saques por 35 anos, o rendimento anual será superior a 10% do valor depositado. Após 35 anos seu rendimento será, no mínimo, cinco vezes maior do que o que o INSS paga. E você terá um saldo bilionário em seu nome.

E nos bancos, funcionários públicos tem os mesmos deveres e direitos que os cidadãos ‘comuns’.

Mário A. Dente, São Paulo

 

Mestres

“Lembrar, coisa importante lembrar” disse o escritor gaúcho Fernando Sabino, quero lembrar os meus queridos professores.

Mestres: dona Marcelina, de General Salgado, Zenaide, do Pio X, Célia, Vanda e dr. Poloto, do Tema, Campana, Odete e Lucio, do Instituto. O objetivo era ensinar e também se relacionar em uma aula de empatia e objetividade, bons tempos. Obrigado a todos os citados, e aos que não lembrei mas estão na moldura da alma. Por gratidão.

Coisa importante lembrar.

Dirceu Ortega Marques, Rio Preto

 

Cartas

As correspondências enviadas para esta seção devem ter o nome legível do autor, RG, foto, profissão, idade e endereço e telefone para confirmação prévia. Para dar oportunidade a um maior número de leitores, as cartas poderão ser resumidas. Os originais não serão devolvidos. As cartas podem ser enviadas da seguinte forma:

1) Pelo correio, endereçadas à avenida Feliciano Salles Cunha, 1.515 - CEP 15035-000, São José do Rio Preto-SP
2) Entregues pessoalmente no endereço acima
3) Por fax - (0xx17) 2139-2090
4) Por e-mail, no seguinte endereço eletrônico: leitores@diariodaregiao.com.br

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso