Diário da Região

05/04/2017 - 10h45min

Rio Preto em Foco

Até a zona do meretrício precisou pagar impostos

Rio Preto em Foco

NULL NULL
NULL

No dia 1º de fevereiro de 1930, o “Collector Estadoal” Lindolpho Guimarães Corrêa mandava publicar no Jornal A Notícia a implantação do imposto de “commércio” e indústria do corrente exercício.

São  muitas barbearias, relogiarias, hotéis, secos e molhados, casa de saúde, marmorarias, açougues, oficinas, comerciantes estrangeiros e até uma fábrica de fogos, do comerciante Sebastião Perphirio. Paulino Bueno de Aguiar, dono da Casa Bueno e um dos mais ricos dacidade foi taxado em fazendas e etc... Nem a zona do meretrício, no final da rua Antônio de Godoy (que entrou no critério  como pensão) escapou das garras do “collector”. 

Clique no link para ler o jornal da época

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso