Diário da Região

24/02/2017 - 16h52min

Folia pet

Inspire-se nas fantasias para pets

Folia pet

Priscila Silva/Divulgação Duda, da Priscila Silva, já entrou no clima do Carnaval com acessórios coloridos
Duda, da Priscila Silva, já entrou no clima do Carnaval com acessórios coloridos

O Carnaval chegou! Para realçar o visual dos bichinhos nos dias de folia muitos tutores apostam nas fantasias, tintas para pelos, laços e pompons. E os pets ficam muito fofos não é mesmo, mas é importante também pensar no bem-estar deles. Afinal, não são todos os pets que gostam de usar roupas e outros acessórios. 

Se você quer ver seu bichinho fantasiado, atente-se para que a roupa não atrapalhe a movimentação, não seja pesada e nem quente, se perceber que o animal está incomodado, não insista. Nesse caso é melhor tirar e deixar o pet curtir o Carnaval leve e solto!

Além das fantasias (que aliás tem opções super criativas), os animais podem receber mechas, penteados e tosas que os deixam bem coloridos para entrar no clima do Carnaval. "É bacana brincar com as cores, mechas e formas, mas tudo deve ser feito com bom-senso e cuidado, para deixar os pets sempre confortáveis e saudáveis”, orienta William Galharde, gerente do Petz Estética e groomer premiado no País.

Para os tutores que desejam colorir o pelo de seus "filhotes", é importante ter cuidado com a tintura, que deve ser feita somente em pet shop, com profissionais que usam produtos específicos para os animais e aprovados por veterinários. 
Confira a seguir mais algumas dicas para que o seu animal curta o Carnaval sem estresse, inspire-se nas fotos de pets com fatasias super fofas e não esqueça: o bem-estar do animal sempre em primeiro lugar!

Cuidados com os looks de Carnaval

1 - Para pelo longo, são indicadas as mechas e alongamentos, além de laços e pompons. Mas tudo com bom-senso, para o pet se sentir confortável. 

2 – Na pelagem curta é possível usar acessórios, sempre com cuidado para não prender a pele e machucar o pet. Vale lembrar que a cola quente deve ser evitada, pois pode queimar o pet. 

3 - Colocar fantasia requer atenção, e o excesso pode atrapalhar a movimentação. Optar por adereços pesados não é interessante, pois, além de limitar os movimentos, pode machucar o bichinho.

4 – Para fazer o coque samurai é preciso prender o topete com elástico. Colocar um pente entre a pele e a pelagem na hora de prender o coque é uma boa dica, pois ajuda a evitar que a pele do pet seja presa no elástico e manter seu bem-estar. 

5 - A tosa asiática é ideal para raças de pequeno porte e peludas. Ela deixa o focinho arredondado e as patas bem cheias.

6 – Já o estilo mandarim deixa a barba em forma de cavanhaque. Também fica bem para as fêmeas.

7 – A tosa militar é ideal para cães e gatos de pelagem média e longa, além de ser prática, dá uma sensação de alívio para os pets, principalmente no calor.

Fonte - William Galharde, groomer (profissional especializado em tosas artísticas)

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso