Diário da Região

11/05/2016 - 10h30min

Brasília

Renan diz que não vai votar na sessão de impeachment

Brasília

Em seu discurso de abertura, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), disse que vai prezar pela isenção e não vai apresentar seu voto sobre a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Como presidente da Casa, Renan tem a prerrogativa de escolher se vota ou não. A postura de Renan contrasta com a do então presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), quando o processo passou por aquela Casa. Na votação de 17 de abril, quando 367 deputados votaram a favor pela abertura do processo, Cunha disse "Deus tenha piedade deste País" ao votar a favor da admissibilidade do impeachment.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso