Diário da Região

22/09/2015 - 17h08min

Brasília

Ministro da Justiça diz que seu voto será a favor dos vetos presidenciais

Brasília

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, procurou nesta terça-feira, 22, o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) para pedir uma conversa com a bancada tucana no Senado num esforço para evitar votos do partido a favor da pauta bomba. No telefonema, o ministro argumentou a favor da manutenção dos vetos da presidente Dilma Rousseff que devem ser colocados em votação em sessão do Congresso nesta terça. O senador argumentou que a reunião não seria conveniente, mas garantiu que seu voto e o dos senadores Dalirio Beber (SC) e Tasso Jereissati (CE) serão a favor dos vetos. O senador Cássio Cunha Lima (PB), líder do PSDB no Senado, contudo, tem se manifestado a favor da derrubada dos vetos. Para derrubar qualquer um dos 32 vetos da pauta, são necessários o voto de pelo menos 257 deputados e 41 senadores conjuntamente. O governo teme o impacto fiscal da derrubada dos vetos que seria de, pelo menos, R$ 127,8 bilhões. O senador Aécio Neves, presidente nacional do PSDB, também já sinalizou voto pela manutenção dos vetos. Segundo ele, o partido não tem ainda uma orientação fechada, mas destacou que há uma preocupação com essas questões "que vão além deste governo". "Medidas que amanhã desequilibram ainda mais a situação fiscal do Brasil e criam maiores dificuldades ainda para a recuperação da economia, são vistas com muita cautela pelo PSDB", afirmou ele, em entrevista coletiva. Líderes governistas passaram o dia dessa segunda, 21, e terça, 22, fazendo contas dos apoios e avaliam que podem ter votos suficientes pelo menos no Senado para manter os vetos, em especial o que concede reajuste de 59,5% para os servidores do Poder Judiciário entre 2015 e 2019, cujo impacto será de R$ 36,2 bilhões. A estratégia inicial do governo era atuar para esvaziar a sessão, mas dois líderes partidários relataram ao Broadcast Político, serviço em tempo real da Agência Estado, a mudança na articulação. "Vamos acabar com isso hoje", disse um deles à reportagem, diante dos protestos de servidores do Judiciários nas dependências do Congresso.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso