Diário da Região

03/05/2016 - 00h00min

SEM LEI SECA

Vereador insiste em projeto que libera consumo de cerveja em estádios

SEM LEI SECA

Guilherme Baffi Torcedores do Rio Preto durante partida no estádio do clube no domingo: cerveja é proibida nos jogos
Torcedores do Rio Preto durante partida no estádio do clube no domingo: cerveja é proibida nos jogos

O vereador Paulo Pauléra (PP) reapresentou projeto que libera venda de bebidas alcoólicas em estádios de futebol em Rio Preto. Segundo a proposta, a venda deve ser permitida em dias de eventos esportivos, espetáculos musicais e culturais. Apenas cerveja poderá ser comercializada nos eventos. Pauléra já apresentou projeto idêntico neste ano e a proposta foi rejeitada pelo plenário na Câmara. O vereador agora recebeu apoio de oito parlamentares e por isso a proposta foi reapresentada. É preciso apoio de um terço da Câmara para apresentar projeto idêntico no mesmo ano.

Pauléra afirma que recebeu pedidos principalmente de torcedores e dirigentes do time de futebol do Rio Preto. “Aumentou a procura no gabinete deste vereador por parte de torcedores, principalmente os do Rio Preto Esporte Clube, assim como de diretores da agremiação, reforçando a necessidade da apresentação de nova propositura para que a matéria voltasse a ser debatida nesta Casa”, defende Pauléra na justificativa do projeto. O clube conquistou no domingo acesso à série A-2 do Campeonato Paulista.

Pauléra ainda fez um pedido a colegas que votaram contra a proposta. “Aos vereadores que, na ocasião passada, reprovaram a proposta, deixo a mensagem para que compareçam ao estádio, para que ouçam as vozes da arquibancada, para que conheçam os anseios dos torcedores e, definitivamente, se conscientizem de que essa é a grande vontade da maioria dos rio-pretenses que torcem e colaboram com o futebol. Dessa forma, tenho certeza que, para as próximas competições, os torcedores reviverão dias de glória e alegria no estádio”, diz Pauléra em trecho da Justificativa.

Mirassol

Em Mirassol, a Câmara aprovou lei semelhante. A venda de bebidas chegou a ser vetada pelo prefeito José Ricci Júnior (PDT), mas vereadores derrubaram o veto. Pela lei de Mirassol, a venda só pode acontecer antes ou depois das partidas. No entanto, em jogo do Mirassol no último domingo, ocorreu comercialização durante a partida.

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso