Diário da Região

12/05/2015 - 11h59min

Brasília

Vice-líder do PSC diz que votação da MP 664 deve ficar para quarta-feira

Brasília

A Câmara dos Deputados deve se concentrar nesta terça-feira, 12, na votação da medida provisória 663, que prevê uma nova capitalização de R$ 50 bilhões ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), deixando para amanhã a apreciação em plenário da MP 664, que muda regras de acesso a benefícios previdenciários - pensão por morte e auxílio-doença. A perspectiva de votação foi discutida na manhã desta terça-feira pelo líder do governo, deputado José Guimarães (PT-CE), em reunião com vice-líderes da base aliada. Segundo o vice-líder do PSC, Silvio Costa (PE), também esteve na pauta o comportamento da base na votação da MP 664. "Quem votou de um jeito na 665 não pode votar de outro jeito na 664, porque o ajuste fiscal é um pacote do qual fazem parte as duas medidas provisórias", disse. Embora o PTB e o PP tenham votado divididos na MP 665, que altera regras de acesso ao seguro-desemprego, os votos dos deputados das duas legendas foram importantes para assegurar a vitória do Palácio do Planalto. Agora, petebistas e pepistas ameaçam votar contra a 664. Para evitar a debandada das legendas, o governo está liberando cargos para as duas legendas.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso