Diário da Região

07/04/2015 - 23h49min

Brasília

Câmara aprova urgência e projeto da terceirização será votado amanhã

Brasília

A Câmara dos Deputados aprovou na noite nesta terça-feira, 7, por 316 votos favoráveis, o requerimento de urgência que permite ao plenário da Casa apreciar amanhã o Projeto de Lei 4330/2004, regularizando o trabalho terceirizado no País. Houve 166 votos contrários ao projeto e três abstenções à urgência, que foi votada sem o texto final do projeto elaborado pelo relator Arthur Maia (SD-BA). Ele deve apresentar o documento momento antes da votação, marcada para começar às 9h. Com a urgência, o projeto pula uma fase, ficando livre de passar pelo crivo da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Maia negociou com o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, diversos pontos do projeto e acatou pedidos do principal expoente da área econômica. A proposta que ele colocará em plenário vai determinar, entre outros pontos, que somente poderão prestar serviço terceirizado empresas especializadas; que familiares de donos de companhias contratantes não poderão criar empresa para oferecer serviço terceirizado; que as empresas contratadas devem pagar 4% do valor do contrato para um seguro que irá abastecer um fundo para pagamento de indenizações trabalhistas; e que as companhias contratantes assumirão o que for devido pela empresa terceirizada contratada - INSS, Imposto de Renda (IR), PIS/Pasep, Cofins e CSLL.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso