Diário da Região

19/08/2015 - 16h43min

DUAS HORAS POR DIA

Câmara vai votar projeto que obriga vereador a cumprir expediente

DUAS HORAS POR DIA

Pierre Duarte Pauléra quer proibir armas de brinquedo: “comprem bola”
Pauléra quer proibir armas de brinquedo: “comprem bola”

O projeto de lei que obriga vereadores a bater ponto na Câmara de Rio Preto será votado na próxima terça-feira. O autor da proposta Paulo Pauléra (PP) protocolou pedido de urgência com o apoio de 11 colegas.

De acordo com o projeto, os vereadores terão de cumprir obrigatoriamente uma jornada de trabalho de 40 horas mensais no Legislativo. Ou seja, pelo menos duas horas por dia.

Segundo Pauléra, munícipes reclamam que alguns parlamentares nunca estão em seus gabinetes para atender o público. A ideia do parlamentar é registrar o horário de chegada do vereador e deixar visível em um painel. "Deste modo, as pessoas poderão verificar quais são os vereadores que estão na Casa naquele momento. Essa é a ideia que vou levar ao presidente Fábio Marcondes", afirmou.

Na sessão da próxima semana, os vereadores votam a legalidade e o mérito do projeto. O controle de ponto eletrônico terá de ser regulamentado pela Mesa Diretora, caso a proposta seja aprovada no plenário.  

Leia mais detalhes sobre o assunto na edição do Diário da Região desta quinta-feira, dia 20. 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso