Diário da Região

27/07/2016 - 00h00min

SUCESSÃO

Hillary é a primeira mulher a disputar presidência dos EUA

SUCESSÃO

Divulgação Hillary Clinton, que foi confirmada candidata a presidente dos EUA pelo Partido Democrata
Hillary Clinton, que foi confirmada candidata a presidente dos EUA pelo Partido Democrata

Em uma convenção que começou sob a marca da divisão, Hillary Clinton conquistou nesta terça­feira, 26, a candidatura do Partido Democrata à presidência dos EUA em uma votação que terminou com um chamado à unidade por seu adversário, Bernie Sanders. “Proponho que Hillary Clinton seja escolhida como nomeada do Partido Democrata à presidência dos EUA”, declarou o senador, sob aplausos de milhares de delegados na Filadélfia.

Com o resultado, Hillary tornou­se a primeira mulher a disputar a Casa Branca por um grande partido americano. A vitória ocorreu oito anos depois de Hillary ser derrotada por Barack Obama em sua tentativa de disputar a eleição presidencial dos EUA, em 2008. No ano seguinte, ela se tornaria secretária de Estado do ex­adversário, função que desempenhou por quatro anos.

A intervenção de Sanders veio ao fim do processo de votação no qual representantes de cada Estado declararam os resultados das primárias, que se refletiram na divisão de delegados entre os candidatos. Hillary venceu em 28 dos 50 Estados e recebeu 16,85 milhões de votos, 3,68 milhões a mais que os dados a Sanders. A ex­secretária de Estado também teve apoio da maioria esmagadora dos superdelegados – ocupantes de cargos eletivos e dirigentes do partido que podem votar como quiserem.

Apesar de Hillary ter chegado à convenção com o número mínimo de delegados para garantir sua nomeação, o partido decidiu realizar uma votação nominal, durante a qual representantes de cada Estado diziam o total de delegados conquistados por Hillary e Sanders. Isso permitiu que os apoiadores do senador manifestassem suas posições, o que ajudou a reduzir sua insatisfação com o resultado das primárias.

A votação foi realizada por ordem alfabética. Quando chegou a vez de Vermont, Estado de Sanders, a delegação pediu para manifestar sua posição depois que todos os demais Estados tivessem votado. Ao fim do processo, Sanders integrou­se à delegação de seu Estado e sugeriu que o nome de Hillary fosse aprovado por aclamação.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso