Diário da Região

04/07/2016 - 16h59min

Brasília

Petista quer adiantar calendário e votar impeachment durante a Olimpíada

Brasília

O líder da oposição, senador Lindbergh Farias (PT-RJ), quer tentar uma nova estratégia para chamar atenção da mídia internacional para o processo de impeachment. Ele vai sugerir à defesa da presidente Dilma Rousseff que adiante a entrega das alegações finais de forma que a votação final do processo aconteça ainda durante a Olimpíada. No calendário atual, o julgamento final do impeachment deve acontecer no plenário do Senado entre 24 e 26 de agosto, as Olimpíadas se encerram no dia 21 do mesmo mês. A ideia de Lindbergh é que a defesa de Dilma use apenas uma das duas semanas dedicadas às alegações finais do processo. Nesse quadro, caso todos os demais prazos se mantivessem os mesmos, a votação final poderia acontecer entre 17 e 19 de agosto, semana de decisões Olímpicas. "Precisamos chamar atenção para o que está acontecendo aqui. O mundo precisa saber. Durante os Jogos Olímpicos, toda a imprensa internacional vai estar no Brasil e a imprensa no exterior sempre esteve do nosso lado", disse Lindbergh. Segundo o petista, ele ainda não chegou a conversar com o defensor da presidente, José Eduardo Cardozo, e não sabe dizer se a defesa vai concordar com a estratégia.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso