Diário da Região

30/08/2016 - 00h00min

ELEIÇÕES 2016

Maioria dos candidatos erra questões básicas da cidade

ELEIÇÕES 2016

NULL Em sentido horário, a partir do canto superior esquerdo: Carlos de Arnaldo (PDT): R$ 2,3 milhões; Edinho Araújo (PMDB): R$ 2,3 milhões; Orlando Bolçone (PSB): R$ 2,3 milhões; Daniel Nhani (PCO): R$ 10 mil; Kawel Lotti (PSDC): R$ 40 mil; João Paulo Rillo (PT): R$ 500 mil
Em sentido horário, a partir do canto superior esquerdo: Carlos de Arnaldo (PDT): R$ 2,3 milhões; Edinho Araújo (PMDB): R$ 2,3 milhões; Orlando Bolçone (PSB): R$ 2,3 milhões; Daniel Nhani (PCO): R$ 10 mil; Kawel Lotti (PSDC): R$ 40 mil; João Paulo Rillo (PT): R$ 500 mil

Sem discurso ensaiado ou decorado na propaganda na televisão ou no rádio, os candidatos a prefeito de Rio Preto mostram desconhecimento sobre questões básicas da administração da cidade de 442,5 mil habitantes. Surpreendidos pelo Diário com lista de perguntas em dois eventos diferentes na última semana com questionamentos individuais, os prefeituráveis erraram desde o valor da passagem de ônibus até o número de secretarias do município que pretendem administrar por quatro anos. A quantidade de unidades de saúde, um dos temas considerados como “prioridade” nos seus discursos de campanha também é ignorado por eles.

Nenhum candidato respondeu corretamente qual o valor da tarifa de água residencial básica cobrada pelo Serviço Municipal Autônomo de Água e Esgoto (Semae).

Em alguns casos, os candidatos até chegaram perto da resposta, mas também recorreram a afirmações imprecisas, com termos como “aproximadamente” ou “mais de”. Foi o caso, por exemplo, do total de servidores da Prefeitura. Para o Diário considerar a resposta certa, a informação deveria ser precisa.

A única pergunta que quase todos candidatos acertaram foi sobre a denominação dos distritos que pertencem a Rio Preto - Engenheiro Schmitt e Talhado.

O primeiro a ser abordado pela reportagem foi Kawel Lotti (PSDC). Ele acertou a primeira pergunta sobre valor pago pelo usuário de transporte coletivo, mas errou a maioria esmagadora das perguntas. O questionamento foi feito antes da sabatina com candidatos realizada no Colégio São José.

Edinho Araújo (PMDB) foi o segundo a passar pela série de perguntas. Não respondeu nada ao ser perguntado sobre o valor do transporte coletivo. O deputado “se recuperou” nas perguntas seguintes.

Orlando Bolçone (PSB) começou bem o teste, mas foi outro candidato a errar perguntas básicas. Não soube dizer ao certo o número de secretarias da Prefeitura.

Antes da sabatina com maçons, na sexta, 26, os demais prefeituráveis passaram pelo “teste”. Carlos de Arnaldo (PDT) já começou errando o valor da tarifa do transporte coletivo. Daniel Nanhi (PCO) só acertou a tarifa de ônibus, quem foi o fundador da cidade e os quais distritos integram Rio Preto.

João Paulo Rillo (PT) não respondeu quatro perguntas, como o número de unidades de saúde da cidade. “Vou te responder depois”, disse.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.