Diário da Região

29/07/2017 - 19h02min

Tânger, Marrocos

Daniel Alves faz golaço em estreia oficial, PSG bate Monaco e fatura título

Tânger, Marrocos

Depois de curta e ótima passagem pela Juventus após deixar o Barcelona, Daniel Alves começou muito bem a sua trajetória pelo Paris Saint-Germain. Com um lindo gol de falta, o lateral-direito brasileiro deu início à virada por 2 a 1 sobre o Monaco, neste sábado, em Tânger, no Marrocos, que fez o seu time abrir a sua temporada 2017/2018 conquistando o título da Supercopa da França. Além do golaço, Daniel Alves deu a assistência que resultou no gol de Rabiot e decretou o triunfo sobre os atuais campeões franceses. O PSG disputou essa final por ter sido vencedor da Copa da França na temporada passada. E logo do início de seu novo ciclo no futebol europeu "carimbou" a faixa do rival que acabara de lhe tomar a condição de equipe dominante no futebol do país. Recém-contratado, Daniel Alves foi escalado curiosamente como um atacante pelo lado direito, enquanto Meunier ocupou a lateral direita da equipe. O brasileiro, por sinal, desde o início da partida teve forte participação nas jogadas ofensivas do PSG e quase balançou as redes já aos 5 minutos do primeiro tempo, quando finalizou um cruzamento de Rabiot e exigiu boa defesa do goleiro Subasic. Quem saiu na frente no placar, porém, foi o Monaco. Aos 30 minutos, o meia Sidibé foi lançado por Tielemans nas costas da zaga e deu um toque de cobertura sobre o goleiro Areola para fazer 1 a 0 para os campeões nacionais. Parecia que ali começava a se desenhar o final de um dia perfeito para Sidibé, pois justamente neste sábado ele completou 25 anos de idade. A partir da etapa final, entretanto, o PSG iniciou uma grande reação. Depois de Falcão Garcia desperdiçar uma ótima chance de ampliar para 2 a 0 após receber livre na área um passe de Sidibé, logo no primeiro minuto, Daniel Alves foi para uma cobrança de falta pelo lado esquerdo do ataque do seu time aos 5 minutos. Com grande categoria, ele soltou um petardo de longa distância, com efeito, e acertou o canto direito alto de Subasic, que nem teve tempo de pular na bola e viu a mesma entrar perto do ângulo de sua meta. E o mesmo Daniel Alves voltaria a brilhar aos 18 minutos, quando foi acionado na linha de fundo por Meunier e cruzou de maneira precisa para Rabiot receber no centro da área e cabecear para as redes, virando o placar. O Monaco quase igualou o marcador aos 35 minutos em um lance no qual Guido Carrillo completou também de cabeça um escanteio cobrado por Lemar, mas parou em grande defesa de Areola. O goleiro ainda deu rebote para Saint-Maximin, mas o brasileiro Thiago Silva impediu o empate novamente ao cortar de carrinho a finalização do adversário. Com o triunfo, Daniel Alves também comemorou outro feito expressivo para a sua carreira. Ele chegou a 35 títulos e igualou o recorde de Ryan Giggs como jogador com maior número de conquistas em torneios oficiais do futebol profissional na história.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso