Diário da Região

07/08/2017 - 16h13min

Skopje, Macedônia

Antes de final contra Real, Mourinho admite interesse em levar Bale ao United

Skopje, Macedônia

O técnico do Manchester United, o português José Mourinho, demonstrou interesse na contratação do atacante Gareth Bale, do Real Madrid, durante entrevista coletiva nesta segunda-feira, em Skopje, na Macedônia, onde as duas equipes se enfrentarão, nesta terça, pelo título da Supercopa da Europa - disputado entre os vencedores da Liga dos Campeões da Europa e da Liga Europa. O treinador do time inglês deu a entender que a ausência do galês - possível substituto do português Cristiano Ronaldo, que pode iniciar a partida no banco de reservas - no clássico pode ser um indicativo sobre o futuro de Gareth Bale, que tornou-se na época a contratação mais cara do futebol mundial quando trocou o Tottenham pelo Real Madrid, em 2013, por 85,5 milhões de libras (aproximadamente R$ 350,1 milhões). "Se ele jogar amanhã (terça-feira), então é a confirmação que está nos planos do clube porque ele também teria motivação para continuar no Real Madrid. Mas se ele não estiver nos planos, estarei esperando do outro lado e vou lutar com outros treinadores para também tentar buscá-lo", disse José Mourinho. Já o técnico do Real Madrid, o francês Zinedine Zidane, classificou as palavras do colega como "gasolina" para esquentar a rivalidade. O treinador do time merengue destacou que os seus jogadores estão concentrados e que nada vai distraí-los. "O jogador (Bale) está bem, teve muita continuidade na pré-temporada, treinando com os outros e isso é o mais importante. O fim da temporada não foi fácil para ele, esteve quatro meses fora da equipe e o vejo bem. O que me interessa não é o que Mourinho disse, é o que nós vamos fazer amanhã (terça-feira). Mourinho vai fazer a equipe dele amanhã e eu a minha. Até agora, a (situação) de Cristiano é igual à de Bale, cada um pode jogar um pouco, mas não vai mudar nada", afirmou Zidane. Ainda sobre o confronto entre os dois gigantes europeus, José Mourinho projetou um embate dificílimo diante da equipe madrilenha na tentativa de vencer a Supercopa da Europa, único título que ainda não possui - ele perdeu as edições de 2003 (pelo Porto) e 2013 (com o Chelsea) -, mas mostrou confiança nos jogadores do time inglês. "Nós vamos tentar, mas a diferença entre os vencedores da Liga dos Campeões e da Liga Europa é óbvia. Existe uma grande diferença de qualidade. Mas nós acreditamos na possibilidade", complementou o treinador do Manchester United (que conquistou a Supercopa da Europa em 1991 e foi vice-campeão em 1999 e 2008). A partida entre Real Madrid e Manchester United será realizada às 15h45 (de Brasília), no estádio Felipe II, em Skoje, na Macedônia, sede determinada pela Uefa com o objetivo de proporcionar a países menores da Europa um jogo entre clubes grandes do continente.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso