Diário da Região

30/03/2017 - 08h25min

São Paulo

Com vaga na Copa, seleção brasileira planeja testar mais jogadores

São Paulo

A classificação antecipada para a Copa do Mundo da Rússia adiantou a programação da seleção brasileira em várias frentes. Até o fim do ano, a comissão técnica vai intensificar a procura por amistosos contra equipes europeias, abrir oportunidades para convocar, e testar, novos jogadores e definir o local de concentração da delegação durante o Mundial do próximo ano. A seleção voltará a se reunir em junho para amistosos na Austrália com a equipe da casa e a Argentina já com possíveis novidades entre os convocados. A vaga garantida na Rússia e a boa fase dão ao técnico Tite mais segurança para tentar opções diferentes. "Temos a oportunidade de ver outros jogadores atuarem para que a competição aconteça em alto nível", comentou o treinador. Os testes devem contemplar também as duas próximas rodadas das Eliminatórias, em agosto e setembro, com partidas contra Equador e Colômbia. Os novatos nas convocações virão de uma pré-lista analisada pela comissão técnica de 56 nomes. Esses jogadores têm sido monitorados pelos membros da equipe de Tite. A turma viaja para ver treinamentos e jogos. Entre os atletas analisados estão os goleiros Diego Alves (Valencia) e Danilo Fernandes (Inter), os zagueiros Felipe (Porto) e Gabriel Paulista (Arsenal), o lateral Fabinho (Monaco) e o atacante Lucas (Paris Saint-Germain). Nos oito jogos pelas Eliminatórias da Copa, Tite convocou 39 atletas. "Eu sei que, se repetir o que estou fazendo no Palmeiras, voltarei a ser lembrado", disse o atacante Dudu, uma das novidades da última lista. "A seleção está aberta a todos, com transparência. É o caso do Mariano, o acompanhamos e agora ele foi chamado", explicou Tite. Para avaliar a montagem do elenco, o treinador deve ter outros amistosos além dos já marcados contra Austrália e Argentina. A CBF quer agendar um confronto para novembro diante de alguma seleção europeia. "Queremos algum adversário de primeiro escalão. Temos de aguardar mais alguns meses para ver se na data desejada a nossa adversária estará livre da disputa das Eliminatórias da Europa", disse o coordenador de seleções da CBF, Edu Gaspar. O Brasil não enfrenta equipes da Europa há dois anos. O último jogo foi contra a França, uma vitória por 3 a 1 em amistoso em Paris. "Temos de nos preparar contra escolas diferentes de futebol, de outros continentes e com outras características", afirmou o dirigente. Gaspar vai viajar para a Rússia no próximo domingo, a fim de avançar em outra etapa no planejamento, como a escolha do local de concentração durante a Copa do Mundo. A comissão técnica enviou representantes ao país outras três vezes. A próxima ida será a mais importante. Gaspar vai apresentar ao técnico uma lista restrita de opções para o Brasil ficar. "É um mundo de detalhes. Preciso de uma cidade com boa estrutura, mas próxima de algum grande centro", disse o coordenador.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso