Diário da Região

01/06/2017 - 11h02min

Barcelona

Apresentado, Valverde diz conhecer desafios do Barcelona e já pensa em clássicos

Barcelona

Ernesto Valverde quer começar seu trabalho como treinador do Barcelona da melhor maneira possível: batendo o Real Madrid. Apresentado nesta quinta-feira como o 57º treinador da história do time catalão, afirmou que o seu primeiro desafio será estar preparado para a disputa de três clássicos nos próximos meses. "Isso torna o desafio que temos diante de nós ainda maior", disse Valverde sobre o amistoso de Barcelona contra o Real Madrid em Miami no dia 29 de julho, antes da disputa da Supercopa da Espanha em agosto. "Eu acabei de chegar, e ainda tenho que pensar em tudo, mas é importante que os jogadores encontrem a sua forma nos amistosos antes da Supercopa", disse Valverde em sua primeira entrevista coletiva como técnico do clube. "Nós teremos uma excursão de verão com jogos contra equipes difíceis, e a ideia é ficar pronto para a Supercopa". Valverde, de 53 anos, está encarregado de revigorar um time que possui um dos ataques mais talentosos do mundo com Lionel Messi, Neymar e Luis Suárez, mas terminou a temporada atrás do Real Madrid no Campeonato Espanhol e na Liga dos Campeões - o time foi eliminado nas quartas de final pela Juventus, que será a adversária do seu rival na final de sábado. O Barcelona anunciou na segunda-feira a chegada de Valverde, que assinou um contrato de dois anos com opção para uma terceira temporada. A diretoria aposta em seu conhecimento do clube - foi dirigido, como jogador, por Johan Cruyff na década de 1980 - em e sua experiência como um técnico rodado. Ele chega após quatro boas temporadas no Athletic Bilbao. Valverde também passou com algum sucesso por Valencia, Villarreal, Espanyol e o grego Olympiacos. Agora ele precisará lidar com a atmosfera de alta pressão em torno do Barcelona, o que levou a Luis Enrique a optar por sair. "Eu sei que a meta é sempre muito alta", disse Valverde. "O Barcelona teve excelentes treinadores. Penso em Luis Enrique, (Pep) Guardiola, Tito Vilanova, Cruyff. Conheço as exigências desse clube e o desafio que enfrento". Se Valverde prometeu que vai se "adaptar" ao estilo de posse de bola do Barcelona, forjado sob Cruyff e aperfeiçoado por Guardiola, seus times no Athletic Bilbao ficaram conhecidos pela marcação sob pressão, algo que faltou ao Barcelona na última temporada. Também se espera que Valverde tire o máximo proveito de seus jogadores, pois as promessas das divisões de base perderam importância na equipe. Ele disse que planeja "ter um relacionamento fluido" com o time B. Apesar das restrições do Bilbao, que aposta em jogadores apenas do País Basco, Valverde conseguiu colocá-lo entre os melhores time da Espanha, nunca terminando abaixo da sétima colocação no torneio nacional. Agora, porém, sabe que dará um passo grande ao comandar as estrelas do Barcelona. "O mercado de jogadores para o Bilbao não é o mesmo do Barça", disse Valverde. "Mas nunca conheci jogadores que nasceram milionários. Eu acredito que vou encontrar um jovem grupo de jogadores que querem ganhar", concluiu.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso