Diário da Região

29/01/2017 - 19h10min

ÚLTIMO TESTE

Palmeiras empata com a Ponte Preta antes da estreia no Paulistão

ÚLTIMO TESTE

Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação Palmeiras e Ponte Preta
Palmeiras e Ponte Preta

No último teste antes do Campeonato Paulista, o Palmeiras empatou com a Ponte Preta por 1 a 1, neste domingo, no estádio Allianz Parque, em São Paulo. O placar não fez jus à produção ofensiva do campeão brasileiro, que pressionou o rival durante todo o jogo. A partida, entretanto, foi um ótimo ensaio a uma semana da estreia. Além disso, o gol alviverde deve sacramentar o paraguaio Lucas Barrios como titular da equipe na primeira rodada do Estadual.

Os 15 mil torcedores que foram ao Allianz Parque tiveram contato com o time pela primeira vez na temporada e puderam matar um pouco da curiosidade sobre a formação da equipe para 2017 depois da chegada de reforços de peso. Neste domingo, foi a vez de Willian, ex-Cruzeiro, estrear com a camisa alviverde e atuar por 45 minutos, substituído por Lucas Barrios na segunda etapa.

E foi dos pés do atacante que veio a primeira chance do Palmeiras na partida. Aos 7 minutos, Willian aproveitou rápida cobrança de lateral, invadiu a área e finalizou, vendo a bola passar muito perto do gol de Aranha. O recém-chegado Felipe Melo também quis marcar presença. Em boa troca de passes com Rogér Guedes, o volante arriscou de fora da área e surpreendeu, mas foi apenas tiro de meta para a Ponte Preta. O camisa 30 cedeu lugar para Michel Bastos no segundo tempo e deixou o campo bastante aplaudido pela torcida palmeirense.

O Palmeiras apresentava maior volume de jogo no ataque e ficou muito perto de abrir o placar aos 19 minutos. Tchê Tchê, dentro da área, acertou a trave, Aranha brilhou em chute de Róger Guedes e, na sobra, Raphael Veiga também parou na trave. Após tal sequência de lances, o time do técnico Eduardo Baptista viu o adversário acertar o posicionamento e reduzir a liberdade na saída da bola.

O que não durou muito, pois a equipe alviverde continuou mostrando agressividade e a Ponte Preta precisou se desdobrar para segurar o placar no primeiro tempo. De amistoso, só o nome porque o clima ficou quente entre as equipes. Com Felipe Melo caído, o Palmeiras partiu em velocidade para o ataque, os jogadores da Ponte Preta não gostaram da atitude e sobrou cartão amarelo para Wendel. Destaque da equipe em 2016, Tchê Tchê exibiu velocidade e orquestrou o time alviverde nos minutos finais da etapa inicial. Um bom teste para as equipes na véspera do Paulistão.

O segundo tempo começou da mesma forma que o jogo foi para o intervalo: com pressão do Palmeiras no ataque. A situação ficou mais favorável aos donos da casa com a expulsão de João Vitor, peça importante na marcação do time de Campinas. Engana-se quem pensa que a Ponte Preta se encolheu depois disso, criou boas chances e levou perigo ao gol de Fernando Prass.

A resposta não demorou e o Palmeiras foi para cima, com Lucas Barrios mais participativo que Willian. Aos 19 minutos, o atacante ficou na cara do gol, para aflição da torcida, e finalizou para fora. A recompensa veio aos 28. Barrios recebeu cruzamento de Zé Roberto na área e, de cabeça, balançou as redes, abrindo o placar para o Palmeiras. Quando tudo parecia definido, braço de Rafael Marques na área e pênalti para a Ponte Preta, convertido por Ramon.

Eduardo Baptista tentou moldar a equipe no último compromisso antes da estreia no Campeonato Paulista contra o Botafogo, no próximo domingo, às 17 horas, no Allianz Parque. Contra a Ponte Preta, sua antiga equipe, o treinador não teve todas as suas armas à disposição. O venezuelano Alejandro Guerra, por exemplo, ainda depende de documentação para ser regularizado.

As últimas definições serão feitas durante a semana, já que o clube precisa enviar à Federação Paulista de Futebol (FPF) uma lista com 28 nomes para inscrição até quinta-feira.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1 x 1 PONTE PRETA

PALMEIRAS - Fernando Prass (Jailson); Jean (Fabiano), Edu Dracena (Thiago Martins), Vitor Hugo e Zé Roberto (Egídio); Felipe Melo (Michel Bastos); Róger Guedes (Erik), Tchê Tchê (Thiago Santos), Raphael Veiga (Vitinho) e Dudu (Rafael Marques); Willian (Lucas Barrios). Técnico: Eduardo Baptista.

PONTE PRETA - Aranha; Nino Paraíba (Emerson), Fábio Ferreira (Reynaldo), Kadu (Marllon) e Jeferson (Fábio Braga); João Vitor, Clayson (Naldo), Wendel (Ravanelli)(Erick Salles) e Matheus Jesus (Jadson); Lucca (Lins) e William Pottker (Ramon). Técnico: Felipe Moreira.

GOLS - Lucas Barrios, aos 28, e Ramon (pênalti), aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Vitinho (Palmeiras); William Pottker, Wendel, Matheus Jesus e Jadson (Pontre Preta).

CARTÃO VERMELHO - João Vitor (Ponte Preta).

ÁRBITRO - Vinicius Gonçalves Dias Araújo.

RENDA - R$ 795.982,50.

PÚBLICO - 15.878 pagantes.

LOCAL - Estádio Allianz Parque, em São Paulo (SP).

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.