Diário da Região

26/01/2017 - 19h46min

Hull

Manchester United perde do Hull, mas avança à decisão da Copa da Liga Inglesa

Hull

O Manchester United sofreu, mas confirmou a vaga na decisão da Copa da Liga Inglesa nesta quinta-feira. Fora de casa, perdeu por 2 a 1 para o Hull City no jogo de volta da semifinal, mas se aproveitou do triunfo por 2 a 0 na ida, em Old Trafford, e garantiu o direito de jogar pelo título do torneio diante do Southampton, que eliminou o Liverpool na última quarta. Esta será a nona decisão do Manchester na Copa da Liga Inglesa, sendo a primeira desde 2010, quando o clube faturou seu quarto título - os outros foram em 1992, 2006 e 2009. Já o Hull City viu sua melhor campanha na história do torneio acabar sem a chance de disputar o troféu. Nesta quinta, o Manchester ficou longe de ser brilhante, mas o gol de Pogba foi suficiente para conseguir a classificação. O Hull saiu na frente no primeiro tempo, com Huddlestone, e confirmou a vitória no fim, com Niasse. Precisando de apenas mais um gol para levar o jogo para a prorrogação, ainda se lançou ao ataque nos minutos finais, mas sequer ameaçou a meta de De Gea. O JOGO - Mesmo precisando do resultado, o Hull sofreu com a própria falta de criatividade no início do jogo e só foi levar perigo pela primeira vez aos 25 minutos. Após cruzamento da direita, a sobra ficou com Niasse, que encheu o pé e testou os reflexos de De Gea. Dependendo quase que exclusivamente dos levantamentos à área, o Hull contou com marcação polêmica da arbitragem para abrir o placar. Aos 33, O juiz viu empurrão de Rojo em McGuire após escanteio da esquerda e apontou pênalti. Huddlestone bateu firme, no canto direito de De Gea, e marcou. O gol fez o Manchester deixar um pouco o campo de defesa, e o jogo melhorou. O time visitante quase deixou tudo igual aos 37 minutos, quando Ibrahimovic saiu da intermediária com a bola dominada e, à beira da área, bateu colocado no canto esquerdo. Marshall voou para desviar com a ponta dos dedos. O segundo tempo começou com o Manchester no ataque, mas sem criar muitas oportunidades. Pelo menos até os 20 minutos, quando saiu o empate. Ibrahimovic recebeu na esquerda e tocou para Rashford. O atacante tentou passar pelo zagueiro, que na ânsia de afastar o perigo, acabou tocando para dentro da área. Pogba, esperto, finalizou com o bico da chuteira e acertou o canto esquerdo do goleiro. A virada do Manchester quase aconteceu aos 28, quando Rojo aproveitou escanteio da esquerda e cabeceou no travessão. O Hull respondeu na mesma moeda aos 32: após escanteio da esquerda, Niasse subiu e também jogou no travessão. Na base da insistência, o Hull voltou à frente e colocou fogo no jogo aos 39. Markovic deu lançamento preciso para Meyler, que chegou pela direita tocando de primeira para o meio. Niasse apareceu sozinho no meio da área e finalizou para a rede. O time da casa, então, se lançou à frente, mas o Manchester se fechou bem e confirmou a classificação.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso