Diário da Região

30/05/2015 - 07h58min

Barcelona

Constâncio diz que políticas do BCE estão funcionando

Barcelona

As políticas do Banco Central Europeu (BCE) têm contribuído para uma ampla recuperação econômica na zona do euro e não resultaram na supervalorização generalizada nos preços de ativos, afirmou o vice-presidente do BCE, Vitor Constâncio, em um discurso em Barcelona neste sábado. "As políticas do BCE estão funcionando e têm contribuído de maneira significativa para a normalização das condições econômicas no curto prazo", disse Constâncio. As políticas devem ajudar a economia no médio prazo ao solucionar a diferença negativa entre o crescimento atual e seu potencial, além de reduzir o efeito prejudicial de histerese na oferta de trabalho e do capital social, acrescentou. A histerese é uma redução na produção econômica provocada por um fraco crescimento, o que pode gerar desemprego de longa duração. Para melhorar o potencial de expansão econômica contra um cenário de queda na população economicamente ativa, a zona do euro tem de contar com mais investimento e intensificação do capital, disse ele, pedindo um esforço contínuo para implementação de reformas estruturais que não são responsabilidade da política monetária. Constâncio rejeitou as críticas de que as compras de ativos pelo BCE aliviam a pressão sobre os governos em aplicar as reformas estruturais. "Não é a tarefa de um banco central exercer mais ou menos pressão sobre os governos para adoção de políticas pelas quais os governos são responsáveis", disse Constâncio. O BCE tem aplicado uma série de novas medidas não convencionais em uma tentativa de impulsionar a dinâmica econômica e de conduzir a inflação para a meta de médio prazo, de pouco menos de 2%. "As condições em uma série de mercados de ativos, de ações até títulos ou câmbio, reagiram da maneira esperada através do canal de transmissão de reequilíbrio de portfólio da política monetária", disse o banqueiro central. O crédito para o setor privado na zona do euro se estabilizou no mês passado depois de melhorar de forma constante no final de 2014 e no início deste ano, de acordo com dados divulgados recentemente pelo BCE. Isso sugere que a recuperação econômica da Europa até agora não conseguiu se mover a uma velocidade mais acelerada. Constâncio afirmou que um período prolongado de taxas de juro baixas contribui para valorizações elevadas de ativos, o que pode gerar preocupações sobre a estabilidade financeira, mas "até agora, não foram identificadas supervalorizações generalizadas nos mercados de ativos". Fonte: Dow Jones Newswires.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso