Diário da Região

30/03/2017 - 00h00min

Sincomércio

Empresas têm até hoje para aderir a regime especial de piso salarial

Sincomércio

Mara Sousa Samir Abdel Majid Sad Leila, dono de uma microempresa: descontos chegam próximo dos 18%
Samir Abdel Majid Sad Leila, dono de uma microempresa: descontos chegam próximo dos 18%

Empresas de pequeno porte (EPP’s) e Microempresas (ME’s) têm até as 18 horas desta quinta-feira, 30, para aderir ao Repis, o Regime Especial de Piso Salarial. O pedido deve ser feito junto ao Sindicato do Comércio Varejista de Rio Preto (Sincomércio). Para participar, a empresa deve estar com contribuições sindicais em dia. Quem adere ao Repis tem o direito de utilizar pisos salariais diferenciados, nesse caso inferiores àqueles praticados pelas demais empresas que não aderirem ao regime, mas só por um período de seis meses.

“O Repis rende uma economia anual de até 18% aos empresários. É um valor muito significativo principalmente para aqueles com dez ou mais funcionários”, disse Sônia Iorio, gerente administrativa do Sincomércio. O benefício, previsto na cláusula 6 da Convenção Coletiva de Trabalho, favorece apenas ME’s e EPP’s por as grandes geradoras de emprego para o comércio, segundo Sônia. “Essa economia de 18% pode gerar novas vagas de empregos ou investimentos em estoque, por exemplo.”

 

Artes - Piso salarial - 30032017 Clique na imagem para ampliar

O Sincomércio espera que 900 empresas, das 23 cidades atendidas na região, recorram ao programa. Samir Abdel Majid Sad Leila, dono de uma microempresa e que emprega 40 funcionários, é um dos que recorreram ao Repis desde a fundação, em 2008. “Somando, além do salário, FGTS, décimo terceiro e férias, os descontos chegam próximo dos 18% para o empresário, o que é muito significativo. Para o funcionário individualmente, a diferença é pequena”, disse Samir. “É de praxe requerer o Repis todos os anos.”

Já a empresa que praticar os menores salários e sem que tenha obtido o Certificado do Repis sofrerá penalidades nos atos homologatórios, além de estar passível de autuação pela fiscalização do Ministério do Trabalho e correr o risco de ações na Justiça do Trabalho. Por conta da procura, o Sincomércio informou que, nesta quinta-feira, irá atender até 18 horas e sem intervalo no horário de almoço. Além de preencher o formulário, disponível no site do sindicato, o pretendente deve reconhecer firma das assinaturas no requerimento do sócio responsável e do contador da empresa.

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso