Diário da Região

10/03/2017 - 00h00min

FGTS inativo

Caixa abre mais cedo e agências lotam

FGTS inativo

Marco Antônio dos Santos Agência da Caixa nesta sexta-feira, primeiro dia de pagamento do FGTS inativo
Agência da Caixa nesta sexta-feira, primeiro dia de pagamento do FGTS inativo

Quem quis estar entre os primeiros a sacar o dinheiro das contras inativas do FGTS precisou enfrentar filas e ter paciência. As agências da Caixa em Rio Preto amanheceram com filas e lotadas, mesmo antes de iniciar o atendimento.

Para atender  a demanda, as agências da Caixa Econômica Federal abrem nesta sexta-feira duas horas mais cedo para o início do pagamento das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para trabalhadores nascidos nos meses de janeiro e fevereiro.

O horário especial irá se repetir na segunda (13) e terça-feira (14) com duas horas de antecedência para auxiliar no fluxo de atendimento. Neste sábado (11), o horário de atendimento será das 9 às 15 horas.

Serão beneficiadas inicialmente 4,8 milhões de pessoas, que poderão sacar quase R$ 7 bilhões, o equivalente a 15,9% do total disponível. Segundo a Caixa, 1,65 milhão de trabalhadores receberão automaticamente o crédito em suas contas na Caixa. Além disso, mais de 1,2 milhão de pessoas poderão sacar utilizando o Cartão Cidadão no autoatendimento, em lotéricas e correspondentes Caixa Aqui. Os demais trabalhadores deverão fazer o saque nas agências da Caixa.

Pode fazer o saque quem teve contratos de trabalho encerrados até 31 de dezembro de 2015. O pagamento das 49,6 milhões de contas inativas seguirá um calendário específico, que leva em conta o mês de aniversário do trabalhador. Valores até R$ 1,5 mil podem ser sacados no autoatendimento, somente com a senha do Cidadão. Para valores até R$ 3 mil, o saque pode ser feito com o Cartão do Cidadão e senha no autoatendimento, em lotéricas e correspondentes Caixa.

Acima de R$ 3 mil, os saques devem ser feitos nas agências do banco. A Caixa recomenda que os trabalhadores tenham sempre em mãos o documento de identificação e a Carteira de Trabalho. Para realizar o saque, o trabalhador deve apresentar o número de inscrição do PIS/Pasep, documento de identificação e comprovante finalização do contrato de trabalho (carteira de trabalho ou Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho). Para saque acima de R$ 10 mil é obrigatória a apresentação desses documentos.

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso