Diário da Região

24/02/2017 - 16h04min

São Paulo

China diz que não tem intenção de tirar vantagem com desvalorização cambial

São Paulo

O governo da China afirmou, por meio do porta-voz do Ministério das Relações Exteriores Geng Shuang, que o país não tem como objetivo ganhar vantagem no comércio por meio de uma desvalorização cambial. A declaração foi dada após o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmar em entrevista à agência Reuters na quinta-feira que o país era um "grande campeão" na manipulação cambial. O porta-voz do governo disse que Pequim está comprometida a aprimorar o mecanismo de formação da taxa de câmbio do yuan. Além disso, a China afirma que a taxa cambial está "basicamente estável em um nível razoável e de equilíbrio". O funcionário afirmou que a China não pretende ganhar uma vantagem no comércio com uma depreciação cambial competitiva e que "não existe base para uma desvalorização continuada do yuan". "Nós esperamos que a parte relevante Trump possa tratar do assunto da taxa cambial do yuan de maneira objetiva e precisa e contribua para a construção da confiança e da cooperação mútuas", disse o porta-voz chinês, durante entrevista coletiva que teve seu conteúdo transcrito no site do Ministério das Relações Exteriores.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso