Diário da Região

07/03/2017 - 20h21min

Nova York

Fed de Atlanta pode ter Raphael Bostic como seu próximo presidente

Nova York

Um ex-funcionário do setor de habitação no governo do ex-presidente Barack Obama, Raphael Bostic aparece como o principal candidato a comandar o Federal Reserve de Atlanta, segundo pessoas ligadas ao assunto. Caso seja nomeado, Bostic, professor de Política Pública da Universidade do Sul da Califórnia em Los Angeles, se tornaria o primeiro afro-americano a presidir uma das sedes regionais do banco central americano. Uma porta-voz do Fed de Atlanta disse que o processo de seleção do novo presidente "está ainda em andamento". Bostic não respondeu aos pedidos de comentário. A nomeação de Bostic poderia ser anunciada nas próximas semanas, segundo uma pessoa ligada ao tema. Dennis Lockhart pediu demissão do comando do Fed de Atlanta no fim de fevereiro. O Fed tem sofrido crescente pressão de congressistas e ativistas para melhorar a diversidade de seu comando. Dos 16 presidentes regionais e diretores, 15 são brancos, 12 são homens e dez tem Ph.D. Em Economia, enquanto nenhum é negro ou hispânico. O presidente do Fed de Minneapolis, Neel Kashkari, é filho de imigrantes indianos. Três afro-americanos integraram o conselho de diretores do Fed em seus 104 anos de história. Bostic, de 50 anos, atuou entre 2009 e 2012 como secretário-assistente para o desenvolvimento político e pesquisa no Departamento de Habitação e Desenvolvimento Urbano, um posto que exigiu confirmação do Senado. Ele está na universidade desde 2001 como diretor do Departamento de Governança, Administração e Processo Político na Sol Price School of Public Policy. Também já atuou como economista da equipe e economista sênior na área de estudos financeiros do conselho do Fed em Washington entre 1995 e 2001, onde teve um trabalho premiado. É Ph.D. em Economia pela Universidade Stanford e também tem estudos em Harvard. No governo Obama, Bostic era responsável por ajudar a implementar os programas de resgate do setor imobiliário. Além disso, atuou para a reforma dos mercados hipotecários dos EUA. Na vida acadêmica, suas pesquisas tratam de riqueza, empréstimos e a propriedade de casas, particularmente em famílias de renda baixa e moderada e em minorias. O distrito do Fed de Atlanta abrange Alabama, Flórida, Geórgia e partes da Louisiana, do Mississippi e do Tennessee, uma área com populações de minorias consideráveis. Fonte: Dow Jones Newswires.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.