Diário da Região

26/01/2017 - 00h00min

GARANTA UMA VAGA

Veja dicas para conseguir uma vaga no feirão de empregos

GARANTA UMA VAGA

Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas/Arquivo Rendimento médio real habitual dos trabalhadores brasileiros foi estimado em R$ 1.840
Rendimento médio real habitual dos trabalhadores brasileiros foi estimado em R$ 1.840

Em épocas de desemprego, qualquer passo na direção da carteira assinada pode fazer toda a diferença. Um bom currículo, aparência adequada, e outras atitudes podem garantir a vaga. Por isso, o Diário preparou uma seleção de dicas para ajudar os leitores nessa busca. Afinal, a concorrência é grande. A notícia de que a usina Guarani está contratando 1,5 mil trabalhadores, publicada na noite desta terça-feira, 24, no site do Diário, alcançou 408,3 mil pessoas, rendeu 4,1 mil compartilhamentos, 772 comentários e 2,7 mil reações, até esta quarta. 

A empresa espera reunir 8 mil candidatos às vagas em feirão, que será realizado no dia 11 de fevereiro. Os números fazem jus aos dados de emprego da região. Em um ano, 35 municípios da região perderam 7.599 carteiras assinadas. “O País está passando por um processo de recessão violento que espera-se que tenha encerrado em 2016”, diz o economista Hipólito Martins. Segundo ele, no primeiro semestre deste ano ainda devem ocorrer demissões. Desde 2014 até 2016 o País perdeu 13,7% de seu Produto Interno Bruto.

“Além disso, tem processo de incremento tecnológico. Está sendo tudo automatizado”, comenta. Em Rio Preto, todas as áreas perderam postos, como indústria, construção civil, comércio e serviços. “As pessoas não estão mais preocupadas com salário nem com função que vão exercer”, diz Hipólito, sobre a busca do emprego. Alex Pereira Matos, 38 anos, viu que a usina está com vagas abertas e vai se candidatar a uma delas. José Constantino, 49 anos, busca emprego há um ano na área em que atuava: metalurgia.

Busque sua vaga

O candidato deve se esforçar para conseguir o posto. “Estudar a empresa, entrar no site, ver o que fazer”, destaca Ana Carolina Verdi Braga, diretora da Cegente Educação Corporativa. O recrutador vê positivamente quem mostra interesse no trabalho. “A empresa não quer um colaborador qualquer que por dez reais vai mudar de emprego.” A consultora destaca ainda que não é preciso desanimar. As oportunidades existem.

Faça seu networking e invista em sua formação. No currículo, coloque informações que tenham relação com a vaga que pleiteia. “Tem que ir mais ao encontro com aquilo que você já tem experiência e que faz sentido no seu modo de ser, no seu comportamento no dia a dia”, orienta Maria Christina Justo, psicóloga, pedagoga, doutora em Educação e coordenadora de ensino da Unirp. Alguns especialistas orientam para especificar o cargo e funções. 

Para Jeferson Fuza, docente da área de Recursos Humanos do Senac de Rio Preto, isso não é necessário, pois são informações para serem passadas na entrevista. Ele também aconselha o candidato a não omitir as experiências profissionais mais curtas, que muitos têm receio de mancharem o currículo. “Se depois for confrontado com a carteira de trabalho aí, sim, vai manchar, não vai ser legal omitir esses dados.”

 

Arte - Dicas de entrevista - 26012017 Clique na imagem para ampliar

Mantenha-se informado

Outros conselhos são seguir o que o orientador que está aplicando a dinâmica pede e participar das atividades. Chegue ao processo seletivo com pelo menos quinze minutos de antecedência e descanse bem no dia anterior. Jeferson também aconselha os candidatos a se manterem atualizados sobre o que acontece no mundo, pois isso poderá ser cobrado durante a seleção.

Para Renata Pires, dona da empresa Découverte Consultoria de Imagem e Estilo, é importante que o candidato escolha a aparência de acordo com a empresa, mas uma boa aposta é sempre ir com roupas e acessórios discretos, mesmo em empresas mais descontraídas. “Tem que ficar atento ao quão casual está indo”, afirma. O candidato também deve prestar atenção ao comprimento e caimento da roupa e evitar roupas transparentes. Renata aconselha a fugir de camisetas com frases. “Às vezes passa ideal ou valor que não é o da empresa.”

Balcão tem 31 ofertas de emprego

Além das vagas oferecidas pela usina Guarani, o Balcão de Empregos de Rio Preto está com 31 ofertas de trabalho. Entre os cargos estão assessor comercial, assistente financeiro, cozinheiro, frentista, operador de caixa, padeiro e vendedor. As vagas foram divulgadas nesta quarta-feira, dia 25, e as inscrições para se candidatar a uma delas podem ser feitas na Secretaria do Trabalho e Emprego, ou no site da Secretaria.

Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (17) 3218-8041 e 3212-7785, ou na rua Ondina, 216, Redentora. A usina Guarani vai recrutar profissionais para ocupar 1,5 mil oportunidades de emprego em suas sete unidades industriais no Interior. Para buscar os trabalhadores para estas vagas promoverá, em 11 de fevereiro, o Feirão de Empregos, em parceria com a Universidade Paulista (UNIP) e com apoio da Prefeitura de São José do Rio Preto, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Emprego.

Feirão de Empregos

Guarani Tereos Açúcar e Energia Brasil

  • Quando - 11 de fevereiro, das 8h30 às 17h30 
  • Local - UNIP, na av. Juscelino K. de Oliveira, Jd. Tarraf 2  
  • Vagas - Cerca de 1,5 mil 1,3 mil para safristas (de abril a novembro) e o restante efetivas  
  • Mais informações - (17) 3280-1000  

Cidades das vagas

  • Colina  
  • Guaíra  
  • Guaraci  
  • Olímpia  
  • Pitangueiras  
  • Severínia  
  • Tanabi 

Dicas

  • Mantenha seu currículo atualizado. Ele deve ter no máximo duas páginas. Para recém-formados, basta uma 
  • Nunca minta nem na entrevista nem no currículo  
  • Não fale mal de trabalhos anteriores em hipótese alguma 
  • O currículo nunca pode ter erros de gramática ou ortografia. Se ficar em dúvida, peça para algum conhecido que domina a Língua Portuguesa revisar 
  • Seja objetivo. Se estiver entregando currículo fora de processo seletivo, coloque pelo menos a área em que quer atuar. Durante seleções, coloque o cargo que deseja  
  • Se pode atuar em várias áreas, tenha um currículo para cada uma delas  
  • Informe nome, telefone, endereço e e-mail. Não é necessário colocar números de documentos  
  • Se a empresa pedir, coloque foto. Cuidado com a imagem que escolher, pois ela deve ser profissional
  • Informe a pretensão salarial apenas se for requisitado. Se ficar em dúvida, pesquise quanto as empresas pagam a pessoas com esse perfil para esse cargo  
  • Coloque as experiências profissionais da mais recente até a mais antiga, mesmo aqueles trabalhos em que ficou apenas meses 
  • Informe os cargos e funções que tinha na empresa 
  • O currículo deve ter a formação profissional. Se for jovem, pode colocar todos os cursos que fez, mas se tiver mais experiência, o ideal é colocar aqueles que tenham relação com a vaga 
  • Devem estar nesses dados o nome da instituição e o ano de conclusão do curso  
  • Informe, na busca pelo primeiro emprego ou não, experiências relevantes: atividades extracurriculares, viagens e estudos no exterior, trabalho voluntário, estágio  
  • Informe apenas os idiomas em que tem fluência e em qual área (escrita, conversação e leitura) 
  • Coloque no currículo seu conhecimento em tecnologia, como softwares que domina e que podem ser úteis para a vaga  
  • Se for entregar currículo por e-mail, não envie para várias empresas de uma vez. Se o fizer, coloque em cópia oculta  
  • Mantenha-se atualizado. Faça cursos, vá a palestras e eventos. Existem muitas opções gratuitas  
  • Faça seu network, ajude sempre que puder alguém que conhece  
  • As melhores vagas não são divulgadas. Utilize seus contatos  
  • Pesquise sobre a empresa em que vai participar de processo seletivo, entregar currículo ou fazer entrevista. Conheça sua missão, visão e valores. Os recrutadores não querem "qualquer um" para a vaga. Mostre interesse  
  • Analise se você se sentirá bem na empresa 
  • Em todos os processos, seja educado e gentil  
  • O famoso "Quem Indica" ainda existe, mas apenas para conseguir a entrevista. Você só vai ficar com o trabalho se for adequado para ele  
  • Cuidado com as redes sociais. Os recrutadores as utilizam e elas podem tanto ajudar a conseguir o trabalho como acabar com suas chances  
  • À entrevista, leve currículo impresso, mesmo que já tenha enviado e que o recrutador não utilizar 
  • Leve a carteira de trabalho à entrevista ou processo seletivo 

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso