Diário da Região

10/02/2017 - 00h00min

NÃO TEM QUE ESCONDER

Memórias de um Quintal é um dos destaques da Mostra Cênica

NÃO TEM QUE ESCONDER

Thiago Miqueias/Divulgação Insensata Cia. de Teatro, de Belo Horizonte, não menospreza a inteligência dos pequenos
Insensata Cia. de Teatro, de Belo Horizonte, não menospreza a inteligência dos pequenos

Primeira montagem voltada ao público infantil do repertório da Insensata Cia. de Teatro, de Belo Horizonte (MG), Memórias de um Quintal rompe com inúmeros mitos e estereótipos que povoam o universo do teatro para crianças. Sem recorrer às tradicionais histórias com príncipes e princesas ou aos personagens massificados da industrial cultural, a peça trata de temas importantes na formação da personalidade, como o amor à vida e o respeito ao próximo, numa abordagem que não menospreza a inteligência dos pequenos.

“Nosso grupo já trabalhou com diferentes técnicas e linguagens, mas sempre esteve voltado ao público adulto. Decidimos por ingressar no universo infantil ao observar as produções de Belo Horizonte voltadas a esse público, que, além de poucas, persistem em uma fórmula já desgastada. O resultado foi tão positivo que vamos montar mais dois espetáculos”, comenta o ator Keu Freire, que apresenta Memórias de um Quintal nesta sexta-feira, 10, na Mostra Cênica, em Rio Preto.

A peça da companhia mineira conta a história de Manguinha, um garoto que nutre o sonho de acertar um pardal com seu estilingue. Sua péssima pontaria é sempre motivo de chacota dos amigos. Depois de muito treinar, ele finalmente consegue acertar o passarinho. No entanto, o que sente nesse momento não é exatamente alegria, mas uma profunda angústia por ter eliminado uma vida. Ao optar por uma história que envolve emoções e sentimentos contraditórios, além de um final nem tão feliz, a Insensata resiste diante de um modelo teatral que historicamente preservou a criança de assuntos mais sérios e delicados.

“No processo de montagem, fomos inúmeras vezes questionados se nossa produção teria espaço no mercado por não ter um final feliz. Abordar temas que consideramos importantes na formação da criança é uma forma de mostrar nosso respeito e seriedade com esse público”, sinaliza Brenda Campos, que também integra o elenco de Memórias de um Quintal. O espetáculo é uma adaptação de O Matador, obra póstuma do escritor mineiro Wander Piroli (1931-2006). Para levar a história desse duelo entre um garoto e um pardal para os palcos, os integrantes da Insensata recorreram às suas memórias de infância, resgatando situações e brincadeiras.

Conforme o ator Cláudio Márcio, essas memórias são rapidamente identificadas pelos pais, evidenciando o quão universal são as brincadeiras tradicionais. “Esse é o grande ganho da peça. O olhar que lançamos para a criança desperta a criança que existe no adulto”, diz. Memórias de um Quintal traz ainda o ator convidado Dário Marques, que também assina a trilha sonora original do espetáculo.

O que rola hoje

Oficinas e debates

  • 10h às 12h - Mostra, Festivais e Circuitos. Casa de Cursilho
  • 13h30 às 15h15 - Roda de Resistência (Juliana Calligaris). Casa de Cursilho
  • 15h30 às 18h30 - Teatro de Objetos (Sandra Vargas). Sesc Peças e cenas curtas
  • 16h - Memórias de um Quintal (Insensata Cia. de Teatro - Belo Horizonte). Praça das Rosas
  • 19h30 - Vidas Secas (Caravan Maschera - Atibaia). Teatro do Sesi 
  • 21h - Cérebro de Elefante (Cia. Ir e Vir - Rio Preto). Alternativo
  • 22h - Perdoa-me Por Te Traíres (Teatro Kaô - São Mateus). Alternativo n 23h30 - Odhara (Cia. Poleiro dos Anjos).

Cursinho Alternativo

  • 0h - Show do grupo Griot’s. Alternativo

 

Grupo Caravan Maschera - 10022017 Leitura do grupo Caravan Maschera para o clássico de Graciliano Ramos

Vidas Secas em versão com bonecos

Uma das obras referenciais do escritor alagoano Graciliano Ramos (1892-1953), Vidas Secas já foi alvo de inúmeras adaptações, do cinema às histórias em quadrinhos. No teatro, também foram muitas as montagens dedicadas à fuga de Fabiano e sua família da seca do nordeste do País. Atração desta sexta-feira, 10, da Mostra Cênica, o grupo Caravan Maschera Teatro, de Atibaia, apresenta ao público rio-pretense uma adaptação de Vidas Secas feita com bonecos. Tendo o teatro visual como premissa de seu trabalho, o grupo convida o espectador a ser co-autor da história apresentada em cena, fazendo uma leitura subjetiva a partir de suas memórias e lembranças. 

“Não se trata de uma montagem que descreve as situações narradas no livro. Buscamos entender as sensações e emoções ligadas a essa história a partir da imagem, do boneco e da musicalidade”, comenta o ator Leonardo Garcia Gonçalves, que divide a manipulação dos bonecos com Giorgia Goldoni. Segundo o ator, o teatro de imagem apenas se completa com o público. E, no caso de Vidas Secas, o desconhecimento da obra não representa nenhum empecilho para o espectador, que construíra seu entendimento a partir de seu próprio contexto social.

Programação

Mais duas peças e uma cena curta marcam a Mostra Cênica nesta sexta. Todas elas serão apresentadas no Cursinho Alternativo. O grupo Teatro Kaô, de São Miguel (ES), apresenta sua versão de Perdoa-me Por Te Traíres, peça em três atos escrita por Nelson Rodrigues em 1957. Montagem inspirada no universo do dramaturgo Samuel Beckett, referência do teatro do absurdo, o espetáculo Cérebro de Elefante será apresentado pela companhia rio-pretense Ir e Vir. A Cia. Poleiro dos Anjos, também de Rio Preto, fecha a programação com a cena curta Odhara, em que a atriz Raphaella França reflete sobre a condição da maternidade. Todas as apresentações do festival são de graça.

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso