Diário da Região

24/05/2017 - 00h00min

ROQUEIROS DA ROÇA

Banda de Santa Fé do Sul combina viola com guitarra e bom humor

ROQUEIROS DA ROÇA

Josi Scar/Divulgação O bom humor é a marca registrada dos integrantes da Cerveza de Litro. Além das letras autorais, banda de Santa Fé faz releituras de clássicos sertanejos como a faixa Boate Azul
O bom humor é a marca registrada dos integrantes da Cerveza de Litro. Além das letras autorais, banda de Santa Fé faz releituras de clássicos sertanejos como a faixa Boate Azul

Há dez anos misturando moda de viola e rock com os mais variados estilos musicais e divertindo diferentes tribos com letras de um humor rasgado, a banda Cerveza de Litro, de Santa Fé do Sul, acaba de lançar seu primeiro álbum de estúdio, Valmir. O nome do disco refere-se a um personagem ficcional que vive as situações retratadas nas canções da Cerveza de Litro, e que ganhou vida a partir do traço do ilustrador Alboreto Fortunato, amigo da banda, responsável pelo desenho da capa.

“Valmir é um nome muito comum da zona rural. Ele é a personificação dos músicos da banda, um caipira rebelde”, comenta André Bonini, vocalista, guitarrista e tecladista da Cerveza de Litro, e também o autor das letras das dez faixas do disco de estreia. Entre as situações vividas por Valmir, muitas delas hilárias, há a experiência como peão em uma fazenda cujo dono batizava as vacas com letras do alfabeto (O Alfabeto das Vacas) e o namoro com uma garota chegada na cachaça (Emiliana Pé de Cana Girl).

A música caipira pontuada pela viola de dez cordas está na essência da sonoridade da Cerveza de Litro, que flerta com gêneros como punk, rock alternativo, surf, ska, blues, polca paraguaia e country. E essa vocação para fazer combinações inusitadas acompanha a banda de Santa Fé desde o início, em 2007, com releituras bem diferentes para clássicos da música sertaneja como Ainda Ontem Chorei de Saudade (João Mineiro & Marciano) e Boate Azul (Milionário & José Rico).

 

Banda Cerveza de Litro 02 - 24052017

“Essas releituras são nosso elemento surpresa. E a resposta do público sempre foi muito boa. Já tocamos em festivais de heavy metal e, num deles, um cabeludo veio até nós dizendo que nunca se imaginaria entrando em uma roda ao som de Boate Azul”, relembra Bonini. Transformar músicas como Boate Azul em uma balada roqueira ou um ska latino é também a forma encontrada pela Cerveza de Litro para se diferenciar na cena regional.

“É difícil ser somente autoral, tem que tocar as músicas conhecidas do grande público. Mas não queríamos tocar o mesmo rock que a maioria das bandas toca. Temos a música caipira em comum, além das preferências pessoais de cada integrante. Juntamos tudo isso para fazer algo com a nossa cara”, sinaliza o músico. Bonini está na Cerveza de Litro desde a fundação, assim como o baixista Lúcio Pé. A banda ainda se completa com os músicos Rafael Cassimiro (viola e guitarra) e Marcus Braz (bateria).

 

Banda Cerveza de Litro 03 - 24052017

Sobre a pegada bem humorada das letras, algumas delas em inglês (Carretero Rice) e castelhano (Cerveza de Litro e La Polka), o vocalista diz que elas surgiram naturalmente. “Para fazer música mais bem elaborada, você tem que ter um apuro técnico muito grande. Nós gostamos do simples, somos caipira, e o humor acabou sendo uma coisa natural. Nada é forçado, é tudo bem espontâneo”, justifica.

A combinação criativa de estilos e esse olhar menos sério para a vida fazem com que a Cerveza de Litro chegue aos mais variados públicos, “desde o povão do underground a caminhoneiros amargurados, passando por velhinhos pescadores e meninas sitiantes que ouvem rádio AM”, como eles mesmos enumeram no perfil da página da banda no Facebook.

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso