Diário da Região

20/02/2017 - 17h25min

São Paulo

Com dados, youtuber questiona sexismo no Oscar

São Paulo

O canal Bryan & Nat, que aborda temas voltados ao entretenimento, fez um vídeo para falar sobre um problema no Oscar: o sexismo. Com base em dados, Nat mostrou como a academia tem preferência por premiar homens, não mulheres. Um dos exemplos usados pela youtuber é que nos últimos dez anos, com exceção das categorias de atuação, apenas 19% das indicadas foram mulheres. Além disso, em toda a história da premiação, em 89 anos, apenas quatro diretoras mulheres foram indicadas. Só uma ganhou até o momento. "O que é estranho, porque nos Estados Unidos metade dos formandos de faculdade de cinema são mulheres", diz Nat. A youtuber questiona a validade da categoria Melhor Atriz: se ela existe para que as mulheres se sintam incluídas, porque não existe a separação em outras categorias? Para ela, a representatividade em um evento grande como o Oscar é muito importante. "As mulheres devem se ver e serem vistaS na frente e atrás das câmeras."

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso