Diário da Região

05/04/2017 - 18h24min

Animação

Smurfs e a Vila Perdida é opção para criançadas

Animação

Divulgação Uma nova história para uma nova fase: os Smurfs voltam renovados para as telonas
Uma nova história para uma nova fase: os Smurfs voltam renovados para as telonas

Para as crianças, chega às salas de Rio Preto Os Smurfs e a Vila Perdida, filme animado que reinicia a franquia nos cinemas ignorando totalmente as histórias vistas nos últimos dois longas-metragens lançados sobre os personagens, um em 2011 e outro em 2013, que traziam uma mistura de computação gráfica e atores em carne e osso. No longa, Smurfette não está contente. Ela começa a perceber que todos os homens do vilarejo dos Smurfs têm uma função precisa na comunidade, menos ela.

Indignada, ela parte em busca de novas descobertas, e descobre uma Floresta Encantada, com diversas criaturas mágicas. Enquanto isso, o vilão Gargamel segue os seus passos. Segundo o diretor Kelly Asbury, a intenção com o recomeço da franquia nos cinemas é focar mais a história nos Smurfs. “Os dois filmes anteriores eram com atores reais interagindo com Smurfs animados, e as histórias eram muito centradas nos problemas dos personagens humanos.

 

 

Os Smurfs e a Vila Perdida não tem nenhuma ligação com esses filmes. É uma abordagem totalmente diferente dos Smurfs e o mundo imaginário deles, totalmente feito com computação animada, e muito próximo do tom e estilo visualizados pelo criador Peyo”, disse no blog oficial da produção do longa. Os dois filmes anteriores, apesar de terem feito um sucesso razoável nas bilheterias, arrecadando US$ 563,7 milhões e US$ 347,5 milhões, respectivamente, não conseguiram se destacar em qualidade, sendo malhados pela crítica especializada.

Talvez, a redução na arrecadação do segundo filme em relação ao primeiro e as críticas negativas tenham motivado a Sony Animation, estúdio responsável pela animação, a tentar algo novo. No entanto, aparentemente, não houve uma grande melhora artística. A animação tem, até o momento, apenas 33% de aprovação no site Rotten Tomatoes, que reúne as críticas publicadas sobre os filmes e faz uma média entre os textos positivos e negativos que varia de zero a 100%. Os filmes anteriores tiveram 22% e 13%, respectivamente.

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso