Diário da Região

10/06/2015 - 00h00min

EPIDEMIA NA REDE SOCIAL

Veja como se livrar do vírus que se proliferou no Facebook

EPIDEMIA NA REDE SOCIAL

NULL NULL
NULL

Um vírus disseminado pelo Facebook anteontem deixou muita gente com dor de cabeça. Ao clicar para ver um suposto vídeo com imagens pornográficas, o vírus se espalhava pela rede social e marcava todos os amigos da pessoa infectada nos vídeos, causando grande transtorno para centenas de pessoas.

Um dos afetados foi o locutor Célio Moura. “Foi bem chato. Mas eu segui as recomendações do Facebook e consegui me livrar. Além disso troquei minha senha para garantir que não seria atacado novamente. Depois procurei meus amigos e pedi desculpaS pelo incômodo”, afirmou. O líder do governo na Câmara de Rio Preto, o vereador Dourival Lemes também foi vítima. Para avisar os amigos ele fez um post informando sobre o ataque.

Especialista

De acordo com Daniel Botossi Trindade, engenheiro de software e segurança da informação na empresa YIB, esse tipo de vírus não é novidade e de tempos em tempos surge uma variante com as mesmas características. O vírus atual chama-se Amazonaws. Ele abre uma brecha de segurança nos navegadores infectados, instalando aplicativos de navegador, também conhecidos como widgets.

“Esses widgets roubam o navegador do cliente postando na rede social, sempre com imagens de apelo sensual e pornográfico, através do usuário logado e marcando 19 amigos, no máximo, induzindo as pessoas ao clique e instalação de novos vírus”, explicou.

Ainda de acordo com o especialista, esses vírus podem “sequestrar” o navegador do usuário e instalar programas terceiros que podem tornar a máquina vulnerável.

“Se você foi afetado, é importante trocar a senha do Facebook. Lembrando que nunca é bom utilizar senhas repetidas em ambientes diferentes. Por exemplo, utilize uma senha no Facebook, outra no Twitter, outra no Pinterest e assim por diante. Além disso é importante alterar todas as senhas salvas em seu navegador, se costuma salva-las”, explicou.

Sobre como se proteger, Trindade afirma que o velho ditado "a curiosidade matou o gato" é mais do que aplicável para se evitar esse tipo de infecção. “Desconfie e não clique jamais em postagens sugestivas, eróticas ou pornográficas nas quais amigos estão marcados. Desconfie sempre.”

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso