Diário da Região

30/04/2016 - 00h00min

Diarinho

Geração conectada

Diarinho

Mara Sousa Maria Clara Carrazone Vellani, 11 anos, tem Facebook e Snapchat. Acessa a internet pelo tablet, mas de forma controlada: duas vezes por semana
Maria Clara Carrazone Vellani, 11 anos, tem Facebook e Snapchat. Acessa a internet pelo tablet, mas de forma controlada: duas vezes por semana

Facebook, Snapchat, Instagram, Twitter, Whatsapp. A galerinha de hoje em dia não quer esperar crescer para ter perfil nas redes sociais. Pelo contrário, cada vez mais cedo eles já criam contas e interagem com amigos e parentes por meio das redes sociais. Afinal de contas, as crianças de hoje já nasceram nos tempos de smartphone e tablets e não sabem o que é viver sem esses aparelhos. Para a galerinha é diversão total, mas para os pais é motivo atenção.

Afinal de contas, exagerar não é bom. Com 3 anos, David Luis Prando já usava o computador. O menino hoje tem 9 anos, possui Facebook e Twitter. “Eu uso o Facebook para conversar com os amigos,” conta. Além das redes sociais, gosta de jogos, como Minecraft, Cross Fire e Left for Dead 2, e também acompanha uma série de canais do Youtube: Rezende Evil, Monark e Venon Extreme. O Youtube agrada mesmo a garotada.

Maria Clara Carrazone Vellani, 11 anos, adora o canal Milho Wonka, e já se arriscou a fazer alguns vídeos. A menina também tem grande presença nas redes sociais, e já possui Facebook e Snapchat. Maria Clara costuma acessar a internet pelo tablet, e usa duas vezes por semana. Já David chega a ficar conectado até 6 horas por dia. As mães estão sempre de olho, preocupam-se tanto com o conteúdo, como com o excesso de uso. 

“É importante entrar no mundo deles,” explica a psicóloga Ana Cristina Penteado Lopes, alertando para a necessidade de os pais acompanharem de perto o contato da criança com a internet e estabelecer limites, assim como em todas as outras questões da vida. Usar a internet é superlegal, mas nada de excesso de tempo. E sempre se deve respeitar o que os pais determinam. Quantas crianças vão ler essa matéria através do portal na internet? Ou curtir o link no Facebook e compartilhar? Nos dias de hoje, coisas como essas fazem parte da infância, talvez mais do que da vida de muito adulto.

(Colaborou Ana Claudia Bahia)

 

Leitura Bacana

 

Livro O bichinho da maçã - 30042016

O Bichinho da Maçã

Editora: Melhoramentos
Autor: Ziraldo
Ilustração: Ziraldo

Todos os bichos se reuniam embaixo da madeira para escutar as histórias incríveis que o simpático bichinho da maçã tinha para lhes contar. Até que um dia o perigo aparece, mas o bichinho da maçã consegue se safar graças à sua inteligência. A obra deu origem à série Bichim, que conta com 12 livros.

 

 

 

Minha dica é...

 

Maria Eduarda D’Ávila Oliveira - 30042016

 

Princesinha Sofia

Minha dica é o desenho Princesinha Sofia: Voando para Tangu. Quando Sofia e Amber vão visitar o príncipe Zandar em Tangu, elas usam um tapete mágico e acabam se perdendo com ele, então elas encontram a princesa Jasmine. 

Maria Eduarda D’Ávila Oliveira, 6 anos

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso