Diário da Região

20/04/2015 - 10h50min

Descontrolado

Homem 'surtado' foge em carro da Guarda Municipal

Descontrolado

Aícro Júnior/Editoria de Arte NULL
NULL

Atualizada às 23h17

 

Investigação interna da Guarda Municipal de Rio Preto vai analisar a conduta dos agentes e as circunstâncias do atendimento durante ocorrência em que um homem descontrolado fugiu com a viatura da instituição. Detido pelos agentes, ele conseguiu escapar e, em seguida, entrar na mesma viatura, que tinha sido deixada com a chave na ignição. Segundo o boletim de ocorrência, Anderson de Lima Souza, 31 anos, estava na avenida Danilo Galeazzi, zona norte da cidade, quando teria se jogado na frente de uma ambulância da Prefeitura. O motorista da ambulância e uma técnica em enfermagem pararam para socorrer Souza. 

O homem estava totalmente descontrolado, falando palavras desconexas e resistindo a qualquer atendimento. Foi então solicitado o apoio dos guardas municipais que passavam pelo local. Souza foi colocado dentro da viatura da Guarda Municipal. Ao tentar fugir, pulou do banco traseiro para o da frente e trincou o para-brisa quando bateu a cabeça. O retrovisor interno do veículo também foi quebrado.

Fugiu até do choque

Os guardas municipais dispararam choque elétrico, mas a imobilização só durou alguns minutos. Souza teria conseguido retirar os grampos da arma e fugiu correndo, até ser alcançado, próximo à BR-153, onde novamente recebeu disparo de pistola elétrica. Ao correr dos agentes, ele avistou a viatura e saltou para o banco vazio, do motorista, encontrando a chave na ignição. Ele ligou o carro e, em surto, teria dirigido por cerca de dois quilômetros, sendo perseguido por outra viatura da Guarda Municipal, até ser interceptado no bairro João Paulo 2º. 

Internado e liberado 

Foi preciso o uso de algemas para conter Souza, que foi encaminhado para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Jaguaré por uma unidade do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Após os primeiros atendimentos, ele foi transferido para o hospital psiquiátrico Bezerra de Menezes.

O rapaz faz uso de "substâncias psicoativas", segundo o hospital, que não informou se essas substâncias seriam medicamentos ou mesmo algum tipo de droga. O hospital informou que o paciente - que não tem histórico de internações anteriores naquela instituição - deixou a unidade na manhã de ontem porque a família não concordou com a internação e retirou-o. A reportagem esteve ontem à tarde na casa do rapaz, no bairro Eldorado, mas ninguém atendeu aos chamados.

Chave na ignição 

O comandante da Guarda Municipal, não admite que houve falha de procedimento. "Os procedimentos dos guardas ocorreram de forma adequada. Era uma ocorrência mais médica do que criminal, e não poderíamos chegar ao estágio da pessoa ser atingida mortalmente ou de forma grave", afirmou o coronel João Roque de Souza, diretor da Guarda Municipal.

O coronel disse também que o guarda deixou a chave na ignição por se tratar de uma emergência. "Em uma ocorrência policial não acontece como nos filmes. Existem fatores inesperados, mas de um modo geral terminou tudo bem".

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.