Diário da Região

06/09/2017 - 08h35min

Rio Preto

Motoristas de transporte escolar fazem paralisação

Rio Preto

Cerca de 80 motoristas de transporte escolar, todos terceirizados pela Prefeitura de Rio Preto, cruzaram os braços e deixaram  alunos sem aula nesta quarta-feira. 

A prefeitura não soube informar quantos alunos foram prejudicados com a paralisação. A capacidade das vans escolares é de aproximadamente 15 alunos

Os motoristas ficaram concentrados na garagem da Secretaria de Educação, no bairro Gonzaga de Campos, para protestar pelo atraso da empresa terceirizada em fazer pagamento de  obrigações trabalhistas, como o vale-refeição, por exemplo.

Outros 53 motoristas, demitidos recentemente pela empresa terceirizada Comatic, também participaram do protesto. Eles reclamaram que não receberam as verbas rescisórias da demissão e também dizem que a empresa não completou o processo que autoriza os trabalhadores solicitarem o seguro-desemprego.

"Estamos há 25 dias parados e sem receber. Só promessa e ninguém faz nada, então tivemos que parar", disse o ex-funcionário, que reivindica os direitos junto a funcionários que também estão, sem receber o fundo de garantia que lhes foi prometido. 

O que diz a prefeitura. Veja nota

Uma manifestação de motoristas demitidos pela empresa Comatic prejudicou, na manhã desta quarta-feira (6), o funcionamento do transporte escolar da Secretaria Municipal de Educação. Os manifestantes tentaram bloquear a saída dos veículos da garagem municipal. Em alguns setores, o transporte atrasou e outros deixaram de ser atendidos.

A Secretaria da Educação esclarece que todos os procedimentos foram adotados para resguardar os direitos dos motoristas da Comatic, cujo contrato foi encerrado no mês passado. Parte dos direitos dos funcionários foi garantida com a retenção dos pagamentos devidos à empresa dentro do que prevê a legislação trabalhista. 

A Secretaria vem mantendo contatos frequentes com a Comatic para que a empresa libere os documentos necessários para que os motoristas demitidos recebam o Fundo de Garantia e tenham direito ao seguro desemprego.

A Secretaria da Educação adotou e está adotando todas as providências para garantir o funcionamento normal do transporte escolar.

 

 

 

(Colaborou Arthur Avila)

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.