Diário da Região

20/09/2017 - 00h00min

Bodas de Vinho

Orlando e Iraci completam 70 anos de casamento

Bodas de Vinho

Mara Sousa Orlando Guzzo, 91 anos, e Iraci Bega Guzzo, 89, completam bodas de vinho nesta quarta: “Foi amor à primeira vista”, diz ela
Orlando Guzzo, 91 anos, e Iraci Bega Guzzo, 89, completam bodas de vinho nesta quarta: “Foi amor à primeira vista”, diz ela

Era um daqueles bailes típicos da década de 40, realizados próximo ao Córrego da Invernada, em Engenheiro Schmitt. Dois jovens, Orlando, com 19 anos, e Iraci, 17, se conhecem ao som de sambas e valsas que embalavam a juventude da época. Eles nem imaginavam, mas passariam a vida inteira juntos. Nesta quarta-feira, dia 20, completam 70 anos de casados, bodas de vinho. “Foi amor à primeira vista, não me lembro de quem paquerou primeiro, mas naquele tempo a gente nem pegava na mão do parceiro”, comentou Iraci Bega Buzzo, de 89 anos. 

O casal relembrou, aos risos, que o primeiro beijo não demorou muito para sair depois que se conheceram, em 1945. Orlando era agricultor e trabalhava em plantações de café. Iraci ajudava sua mãe nas tarefas de casa. Os dois moravam perto um do outro e costumavam trocar olhares quando andavam pela praça da cidade - costume da época. Para se casarem oficialmente na paróquia Santa Apolônia, em Engenheiro Schmitt, o casal apaixonado teve que namorar dois anos escondido do pai de Iraci, que segundo Orlando, não aprovava na época. 

“Eu falava para ela que devíamos fugir e ela topou. Casamos apenas entre nós dois”, disse Orlando Buzzo, de 91 anos. “Se hoje os casais se juntam, na época nós fugíamos”, brincou Iraci. O casal passou alguns dias fora de casa para o casamento não oficial e ao voltar para a cidade optou pelo casamento na igreja, no dia 20 de setembro de 1947. Depois do casamento, os dois foram morar na casa dos pais de Orlando. Iraci se lembra com afinco das datas importantes do relacionamento, já Orlando se confunde um pouco com as comemorações do casal.

 

Arte - Bodas - 20092017 clique na imagem para ampliar

“Ele nunca foi muito romântico, mas eu sempre olhei para ele e vi um chefe de família. Nunca faltou nada em casa”, disse Iraci. “Na época a gente também só se presenteava quando sobrava dinheiro”, acrescentou. De origem humilde, o casal se mudou para Rio Preto em 1978, para a Santa Cruz, e desde então a família aumentou. São dois filhos – Cleide Dorai Buzzo, 69 anos, e Adenir Carlos Buzzo, 65 –, seis netos e cinco bisnetos. Iraci e Orlando servem de inspiração para toda a família. “Deixo claro para meus filhos que na vida a dois há flores e espinhos, mas que temos que saber administrar”, comentou Adenir, casado com sua esposa há 32 anos.

Segredos

Para manter o relacionamento duradouro, o casal tem um segredo que perdura durante os 70 anos de casamento. “Ele procura fazer o que eu gosto, eu procuro fazer o que ele gosta e assim vai dando certo”, explicou dona Iraci. “Se você gostar e respeitar seu parceiro, não tem nada que atrapalhe o casal”, disse. Apesar da “saúde de ferro”, por conta da idade evitam grandes festividades. Mas um grande churrasco para toda a família foi realizado no último sábado, dia 16.

(Colaborou Victor Stok)

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Diário da Região

Esperamos que você tenha aproveitado as matérias gratuitas!
Você atingiu o limite de reportagens neste mês.

Continue muito bem informado, seja nosso assinante e tenha acesso ilimitado a todo conteúdo produzido pelo Diário da Região

Assinatura Digital por apenas R$ 1,00*

Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90
Diário da Região
Continue lendo nosso conteúdo gratuitamente Preencha os campos abaixo para
ganhar + 3 matérias!
Tenha acesso ilimitado para todos os produtos do Diário da Região
Diário da Região Digital
por apenas R$ 1,00*
*Nos três primeiros meses. Após o período R$ 16,90

Já é Assinante?

LOGAR
Faça Seu Login
Informe o e-mail e senha para acessar o Diário da Região.
Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para acessar o Diário da Região.