Diário da Região

28/01/2017 - 00h00min

PRIMEIRA CHAMADA

Paulistanos dominam vestibular da Famerp

PRIMEIRA CHAMADA

Johnny Torres Matheus Midorikawa Polachini, 19 anos, único rio-pretense a passar em medicina na Famerp
Matheus Midorikawa Polachini, 19 anos, único rio-pretense a passar em medicina na Famerp

Os paulistanos dominaram o vestibular 2017 de medicina da Faculdade de Medicina de Rio Preto (Famerp). Dos 80 aprovados, quase metade (37) são moradores da Capital paulista. A lista foi divulgada nesta sexta-feira, dia 27. Também foram convocados os aprovados em enfermagem e psicologia. Na lista de aprovados em medicina constam moradores de 31 cidades diferentes. O único rio-pretense entre os selecionados para o curso é o estudante Matheus Midorikawa Polachini, 19 anos.

O jovem estudava engenharia mecânica na Unicamp, mas decidiu trancar o curso para prestar medicina. “Percebi que não me enquadrava na carreira de engenharia, embora gostasse de exatas. Cursar medicina já era uma ideia que existia na minha cabeça, embora tenha sido difícil tomar a coragem para concretizá-la”, disse.

Para conseguir a sonhada vaga, o rio-pretense encarou uma rotina de estudo de 12 horas diárias, aliada à prática de exercício físico. “Entrava no cursinho às 7h da manhã e saía às 13h, tinha aulas de segunda a sábado. Depois estudava a matéria do dia até por volta das 19 horas, e aos domingos me dedicava à prática de redação. Além disso, fazia academia. Acredito que é fundamental praticar alguma atividade física que você goste. Os estudos são extremamente desgastantes e praticar alguma atividade física é algo que traz de volta a energia”, disse o estudante.

 

Arte - Famerp - 28012017 Clique na imagem para ampliar

São Paulo

Responsável pela maioria de aprovações em medicina na Famerp, os cursinhos de São Paulo atraem inclusive moradores da região de Rio Preto. A estudante Isabella Calixto, 20 anos, deixou Mirassol para se preparar para o vestibular na Capital paulista. Trocou o colo dos pais e a companhia do namorado pelos livros e apostilas.

“Fiz dois anos de cursinho em Rio Preto e as mensalidades aqui estavam altas. Minhas irmãs moram em São Paulo. Lá o cursinho é mais barato e consegue muitas aprovações”, disse. No período de um ano ela enfrentou 17 horas de estudo por dia. “Só tinha seis horas de sono por dia e uma hora para comer e tomar banho.

Quem quer passar tem de abdicar de algumas coisas. Na minha opinião, o segredo é estudar muito”, disse. A mirassolense dividia os estudos entre cursinho e residência. “Ficava a maior parte do dia no cursinho e, à noite, após o jantar, estudava em casa. Ainda tinha prova com redação todos os finais de semana. “Foi um ano de muita dedicação, mas que valeu a pena”, afirmou.

Inscrições

Os nomes divulgados são referentes à primeira chamada e estão disponíveis no site da Famerp. Os convocados têm entre os dias 30 e 31 de janeiro, das 9h às 16h, para realizar a matrícula na faculdade. Se após o dia 31 ainda houver vagas disponíveis, corre a lista da segunda chamada, que está prevista para ser divulgada na próxima quinta-feira, 2 de fevereiro. Os convocados, então, terão os dias 3 e 6 para realizar a matrícula. A lista da terceira chamada, se houver, será divulgada dia 8 de fevereiro e os convocados terão de fazer a matrícula entre os dias 9 e 10, das 9h às 16h.

 

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso