Cidades

X
  • Sexta-feira, 18 de Agosto
  • Se não existe esforço, não tem progresso!
Cidades

Matéria

Domingo, 19.03.17 às 00:00 / Atualizado em 18.03.17 às 19:57

Um mundo chamado Rio Preto

Millena Grigoleti
Guilherme Baffi Marissol Oliveira - 19032017
O fotógrafo Marissol Oliveira e seu drone

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do
Diario da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 15,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Guilherme Baffi Marissol Oliveira - 19032017
O fotógrafo Marissol Oliveira e seu drone

Uma cidade iluminada e que cresce para todos os lados. Represa, praças, bairros, campos, prédios, casas. Rodovias, viadutos, avenidas, ruas. Luzes que indicam movimento nos quatro cantos do “planeta” de 446,6 mil habitantes. Esta é Rio Preto vista de cima. Em seu 165º aniversário, uma moda que vem dos céus consegue mostrar o município como se fosse um planeta - que, aliás, não para nem de crescer nem de se movimentar.

As imagens panorâmicas são feitas com drones e depois unidas por um software que as transforma em globo. Esse drone capta pelo menos 30 fotos para formar uma só. Não só quem vê o resultado consegue olhar a cidade de outro ângulo. Do celular, quem controla o equipamento nas alturas consegue ver em tempo real o que ele está captando. O fotógrafo Marissol Oliveira, um dos adeptos da técnica, começou a fotografar Rio Preto depois que ouviu muitas pessoas falando mal da cidade. 

Considerando uma injustiça, resolveu mostrar que é um lugar “bacana” e criou a página “Rio Preto cidade linda”. Ele pretende continuar captando as imagens – desde o momento em que o drone levanta voo até quando pousa são cerca de quatro minutos. “Vamos continuar fazendo, tem muito lugar da cidade para fazer. A ideia é expor isso para a sociedade, principalmente que não tem acesso a internet não consegue ver esse tipo de fotografia, de arte”, afirma.

O fotógrafo Lucas Klein também faz fotos do tipo. O processo todo leva cerca de 15 minutos. “Meu sentimento por ver a cidade de Rio Preto por cima através do meu drone é magnífico. Fico feliz em ver como essa cidade é tão linda, mesmo tendo alguns problemas”, diz. O lugar que chama mais a atenção do profissional é a Represa Municipal. “Onde eu acho mais bonito na cidade.” Para Marissol, o que mais se destacou nas imagens foi o viaduto Jordão Reis. “Fiquei impressionado quando vi a construção de cima.”

Lucas começou a utilizar a técnica depois de ver imagens que gostou na internet. “É uma felicidade ver cada resultado das fotos que tiro de Rio Preto. Daqui um ano ou dois vejo que vai ter o crescimento da cidade e com isso as fotos serão diferentes. A que tiro hoje amanhã já não será a mesma”, afirma.

São de 30 a 45 fotos que formarão uma só imagem. Quem as vê lembra das imagens feitas com lentes olho de peixe, que normalmente têm abertura maior de 180º, o que permite pegar uma imagem mais ampla. No caso dos mini-planetas, as imagens são feitas em ângulo de 360º. Marissol garante que qualquer celular com a opção panorâmica pode fazer as imagens do chão, depois basta juntá-las em um software para formar o globo. Os dois profissionais indicam o programa Autopano Giga, que é disponibilizado gratuitamente na internet.

 

 

 

Informe seu WhatsApp, escolha os assuntos de interesse e receba notícias pelo celular


X

Comentários

Recomendadas

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 15,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Facilite seu acesso agregando uma
conta de rede social ao seu perfil
Sexo
Confirme seu cadastro

Para acessar nossos conteúdos especiais é necessario que você ative seu cadastro.

Acesse seu e-mail e clique no link que lhe enviamos. Caso não tenha recebebido, digite abaixo seu e-mail.