Cidades

X
  • Quarta-feira, 24 de Maio
  • A tarefa de viver é dura, mas fascinante
Cidades

Matéria

Sexta-feira, 19.05.17 às 00:00

Rio Preto é a 53ª mais cara do País

Elton Rodrigues
Arquivo Pessoal Thaís Marques
Thaís Marques, 27 anos, trocou Rio Preto por São Paulo e sentiu no bolso

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do
Diario da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 15,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Arquivo Pessoal Thaís Marques
Thaís Marques, 27 anos, trocou Rio Preto por São Paulo e sentiu no bolso

Rio Preto é a 53ª cidade mais cara do Brasil para se viver, segundo ranking do site colaborativo “Custo de Vida”. Os preços no município são mais baratos do que cidades como Ribeirão Preto, Santos, São Paulo e Rio de Janeiro, mas são mais elevados quando comparados a localidades turísticas como Salvador, Natal e Maceió.

O ranking é feito com base nas informações fornecidas pelos próprios moradores ou turistas. Os internautas podem entrar no site e colocar os valores de itens de alimentação, moradia, educação, transporte, lazer, cultura e hotelaria.

As informações são analisadas por um moderador para verificar a autenticidade dos dados. Estão no ranking apenas as cidades onde mais de dez usuários atualizaram os preços nos últimos 18 meses.

O levantamento coloca Santos com a cidade que tem o maior custo de vida, seguida por Rio de Janeiro, Niterói, Brasília e São Paulo. No total, são 127 cidades no ranking.

custo de vida Clique na imagem para ampliar

As comparações de preço vão do simples “cafezinho” ao aluguel de apartamento em região valorizada, preço de estacionamento no Centro e itens da cesta básica, como arroz e feijão.

Em Rio Preto, o preço médio do aluguel de um apartamento de dois quartos ficou em R$ 1.420 em área considerada valorizada e R$ 820 em setor da cidade menos valorizado. Enquanto na capital São Paulo os valores médios são de R$ 2.557 e R$ 1.234, respectivamente.

A cidade teve 22 colaborações recebidas durante 18 meses, entre 23 de fevereiro do ano passado e 18 de abril deste ano.

O preço médio de um almoço considerado barato em Rio Preto é de R$ 13, 55. Já a refeição considerada cara, de acordo com o site, fica em R$ 60,50. Em São Paulo, os preços são R$ 14,91 no mais barato e R$ 81,36 no mais caro. Todas as informações foram coletadas nesta quinta-feira, dia 18, e os dados variam conforme os internautas vão inserindo novas informações dos municípios.

A recepcionista Thaís Marques, 27 anos, começou a sentir a diferença de valores entre Rio Preto e São Paulo em março deste ano.

“Vim (para São Paulo) por causa de trabalho. Sou formada em turismo e aqui tem mais oportunidades. Mas, alimentação e moradia são mais caros. Em Rio Preto é possível fazer uma refeição boa por R$ 15 ou R$ 20, já aqui você gasta pelo menos R$ 30”, disse.

comparativo Clique na imagem para ampliar

Ela afirma que outro ponto negativo financeiramente é o valor do aluguel. “Aqui, com aluguel eu gasto R$ 1 mil para morar em um quarto e, pelo mesmo valor, é possível alugar um apartamento em bairros bem localizados de Rio Preto”, afirmou.

A estudante de direito Laura Carolina Padovez Pavin, 23 anos, viveu situação oposta. Em 2013 ela se mudou para Londrina, ao ser aprovada na Universidade Estadual de Londrina (UEL). A cidade é a 65ª no ranking, ou seja, um custo de vida menor que a de Rio Preto.

“Lazer e alimentação de um modo geral são mais baratos. No supermercado, não notei muita diferença, mas em relação a restaurantes, sim. Os bares e baladas daqui também são mais acessíveis”, afirmou.

Mais baratas

No ranking do site “Custo de Vida”, as cidades consideradas mais baratas estão no Ceará, Paraíba e Bahia.

A mais barata é Antonina do Norte (CE), seguida por Juazeiro do Norte (CE), Ponta Grossa (PR) e Campina Grande (PR). A turística Porto Seguro (BA) também entra nessa lista, segundo os internautas.

Comentários

Recomendadas

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 15,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Facilite seu acesso agregando uma
conta de rede social ao seu perfil
Sexo
Confirme seu cadastro

Para acessar nossos conteúdos especiais é necessario que você ative seu cadastro.

Acesse seu e-mail e clique no link que lhe enviamos. Caso não tenha recebebido, digite abaixo seu e-mail.